Wallace Oliveira discursa sobre a situação da Fundação Cecon

Ver. Wallace Oliveira

Durante pronunciamento da tribuna da Câmara Municipal de Manaus (CMM), na manhã desta quarta-feira (07), o vereador Wallace Oliveira (Podemos) discursou sobre a situação atual da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), localizada na Zona Centro-Oeste da capital amazonense.

“Venho hoje, após o recesso das atividades em plenário, trazer com muita tristeza o registro de uma situação deplorável de funcionalidade de uma outrora fundação, que se estabelecia como referência. Refiro-me a Fundação Cecon. Tal Fundação está totalmente comprometida na situação de trabalho e de gerenciamento”, expressou o parlamentar falando sobre a situação precária do hospital.

O vereador ainda falou que é lamentável essa situação alarmante pelo qual está passando um centro de tratamento que ainda é referência no diagnóstico e tratamento do câncer em toda a Amazônia Ocidental. “Falo tudo isso, não por informações de outrem, mas porque passei três dias lá dentro acompanhando um cidadão que buscava atendimento e tratamentos dignos”, criticou Wallace Oliveira.

Mesmo com todas as dificuldades e necessidades que a Fundação tem passado, o vereador Wallace parabenizou o corpo médico que ali atua. “Quero enfatizar a devoção da equipe médica, profissionais da saúde, que mesmo em meio a tantas carências, disponibilizam-se para tratar e cuidar da melhor maneira possível dos pacientes presentes e dos que chegam ao local”.

O parlamentar também citou sobre a circunstância extremamente ruim da falta de medicamentos na FCecon—“vi o cúmulo do descaso ao perceber que familiares viam-se obrigados a saírem do hospital para comprar externamente os medicamentos utilizados por seu parente internado, visto que, no local não existem tais remédios”, enfatizou o parlamentar.

O vereador apresentou o documento de solicitação no qual mostra o processo de compra e aquisição dos medicamentos necessários nos tratamentos de câncer. “O processo está parado por mais de 60 dias dentro da Secretaria Estadual de Saúde do Estado do Amazonas (Susam) e não se dá uma definição. Não foram comprados os kits para ligadura de varizes no esôfago que esse cidadão precisava, infelizmente, ele foi a óbito e até a data de hoje a Susam não dá nenhuma resposta sobre a chegada desses materiais tão necessários”, declarou o parlamentar lamentando a morte do paciente.

Ainda na tribuna, Wallace Oliveira enfatizou veementemente que todos os cidadãos que pagam seus impostos, possuem o direito garantido de um atendimento digno por parte das fundações e hospitais públicos. “Quero dizer aqui que o cidadão que paga os seus impostos, não precisa ser amigo de ninguém para ter o tratamento que ele necessita ter, a Constituição Federal do nosso País garante isso. Todos tem direito à saúde. Ele não precisa ser amigo de ninguém do governo, ele deve ser tratado com dignidade que nossa legislação estabelece para todos os cidadãos. Isso é triste e revoltante, e nós, representantes do povo, não podemos nos calar diante disso”, finalizou Wallace Oliveira.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here