Trio de náufragos sobrevive em ilha isolada por 31 dias comendo cocos

Apesar da história de superação dos três cubanos, a Guarda Costeira dos EUA se diz desconfiada dos relatos deles. (Foto: Divulgação/USCG Southeast

A Guarda Costeira dos Estados Unidos resgatou um trio de náufragos em uma ilha desabitada nas Bahamas. Os dois homens e a mulher estavam por lá há 31 dias e sobreviveram comendo cocos!

A operação ocorreu ontem (09), após autoridades costeiras verem bandeiras agitadas na ilha, durante uma patrulha aérea rotineira. Segundo a Guarda Costeira, os sobreviventes são cidadãos cubanos e não tiveram os nomes citado.

De acordo com o depoimento inicial dos náufragos, eles foram surpreendidos por uma tempestade e tiveram de nadar até a ilha de Anguilla Cay, perto da Flórida.

Em entrevista ao Sun Sentinel, o suboficial da 2ª classe da Guarda Costeira, Brandon Murray, afirmou que ainda não está claro o motivo da viagem dos cubanos.

A entrevista também mostrou que Murray está desconfiado da história dos náufragos. “Não consigo me lembrar de uma vez em que salvamos pessoas que ficaram presas por mais de um mês em uma ilha”, disse ele.

Nas imagens divulgadas no Twitter da instituição, é possível ver dois oficiais jogando água, comida e um rádio para os sobreviventes na segunda-feira (08), um dia antes do resgate.

Ainda não se sabe qual sabe qual será o destino dos sobreviventes. [R7]

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here