Triatleta desaparece no mar durante prova no Ceará

As buscas pelo atleta do Ironman Brasil, identificado como Genilson Lima, 48, continuam na tarde deste domingo, 26, na Praia de Iracema, em Fortaleza, Ceará. O helicóptero da Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), que já fez dois voos durante o dia, deve fazer mais um antes do anoitecer, caso o participante não seja encontrado.

O relações-públicas e comandante de operações da Ciopaer, Marcus Costa, diz que os voos de hoje totalizaram três horas e meia de buscas. “Sempre buscamos encontrar a pessoa com vida, mas existe a possibilidade de que ele esteja morto. Se isso ocorrer, o próprio corpo tende a subir na superfície”, adianta.

Os botes de resgate saíram à procura do atleta às 7h50min, depois que a ausência foi notada. Cerca de mil triatletas estavam inscritos na competição que envolve 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21,1 km de corrida.

Os atletas de alta performance iniciaram a competição na base do Marina Park Hotel. Depois da natação, os competidores foram para as provas de ciclismo pela CE-085.

O subtenente Brito, do Corpo de Bombeiros, informa que os surfistas da área também foram avisados. A assessoria de imprensa do evento aguarda dados para se pronunciar e também não divulgou, em respeito à família de Genilson, o vencedor da competição.

O cunhado do atleta desaparecido, Francisco Almir, diz que a família ainda está na expectativa do atleta estar parado em algum ponto, precisando de ajuda. “O Genilson estava bem preparado, treinava, ele é muito prudente, respeitava seus limites, ele estava bem mesmo. A família estava no Pecém e soube da notícia, estamos na expectativa de ele estar vivo, ele estava bem preparado”, frisa.

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que, além das equipes da Ciopaer e do Corpo de Bombeiros Militar do Ceará, participam da operação de busca equipes da Marinha e da Guarda Municipal. O Povo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here