Tradicional Feira do Itaúna pode fechar em Parintins

(Foto:Divulgação)

Um dos pontos comerciais mais requisitados comercialmente na Ilha Tupinambarana, a Feira do Itaúna, pode estar com os dias contados, tudo por conta de uma decisão judicial que obriga todos os permissionários abandonarem os box comerciais imediatamente.

O Juiz Hiram Armênio Oereira, da 7° Vara Ambiental, determinou que no máximo em 90 dias os permissionário da “Feira do Peixe” abandonem o centro comercial localizado na Rua Gent Bentes, no bairro Itaúna II, e o magistrado emitiu o valor da multa para quem desobedecer a ordem judicial no valor de mil reais por dia.

(Foto: Divulgação)

A Feira do Peixe é um ponto aprazível de Parintins. Os feirantes estão há três anos no local. A mesma surgiu na administração do ex-prefeito Alexandre da Carbras, que definiu o local dos boxe. Por este motivo, os feirantes repudiam a informação de que são invasores, pois para eles estarem ali foi através de uma determinação do poder municipal e agora vem outro poder, no caso o judiciário, querendo desativar um espaço que gera dezenas de empregos e fomenta o comércio parintinense.

A decisão atendente a uma ação emitida pelo Ministério Público Federal que entende que no local da feira é uma área de preservação ambiental e pede a remoção imediata dos feirantes, que segundo o MPF poluem o ambiente ao depositaram dejetos dos produtos comercializados lá.

Por enquanto nenhum feirante disse que irá deixar o local. Uma comissão está sendo formada para ir até o Prefeito Bi Garcia para que ele possa emitir documentos aos permissionário para que se impeça o despejo dos mesmos.

Reportagem: Kennedy Lyra

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here