Terremoto atinge México e deixa ao menos 5 mortos

Foram registrados mais de 140 tremores secundários, a grande maioria de pequena proporção ─ Foto: EPA/Ansa Brasil

Em meio à pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), um terremoto de magnitude 7.5 na escala Richter sacudiu nesta terça-feira (23) a região sul do México. Segundo as autoridades do país, ao menos cinco pessoas morreram no estado de Oaxaca.

O sismo ocorreu às 10h29 (horário local) e, de acordo com informações do serviço sismológico do vizinho Estados Unidos, um alerta de tsunami foi gerado para a costa do México, bem como para algumas nações da América Central, como Honduras e Guatemala.

O epicentro do tremor foi a 11 quilômetros a sudoeste de Santa María Zapotitlán, em Oaxaca, nas proximidades de El Coyul. O forte terremoto foi sentido até na capital Cidade do México, que está a cerca de 320 quilômetros de distância. Por lá, dezenas de edifícios tremeram e os moradores em pânico fugiram para as ruas.

Segundo o governador de Oaxaca, Alejandro Murat, entre os mortos estão uma mulher de 22 anos da comunidade de La Crucecita, bem próxima ao epicentro, e de um homem de 53 anos de idade, que caiu de uma estrutura na refinaria Antonio Dovalí Jaime, na cidade de Salina Cruz.

As autoridades de saúde de Oaxaca também relataram que alguns hospitais públicos foram danificados em decorrência do sismo. Muitos deles estão precisando lidar com pacientes da Covid-19.

O presidente do México, Andrés López Obrador, afirmou que houve mais de 140 tremores secundários, a grande maioria de pequena proporção. Ele também pediu para a população agir com cautela.

O México está localizado no meio de cinco placas tectônicas, mas a costa do Pacífico é a mais ativa em questões sísmicas, pois é sustentada pelo cruzamento da microplaca Rivera e das placas Cocos e Caribe.

Por ANSA BRASIL

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here