SSP-AM registra apreensão de quase 3 toneladas de drogas em cinco meses

Sec, Sérgio Fomtes
Sec, Sérgio Fomtes
Sec, Sérgio Fontes


As ações de combate ao tráfico de drogas realizadas pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), Polícia Militar e Polícia Civil, já resultaram, neste ano, na apreensão de quase 3 toneladas de drogas  em todo Estado, sendo a maior parte em Manaus.
 
De janeiro até a última quarta-feira (25), a SSP-AM registrou 2.943,65 toneladas apreendidas, quantidade superior ao mesmo período do ano passado. “Nossa prioridade enquanto sistema de Segurança, não é apreender droga, mas isso tem sido necessário para combater o crime organizado, que utiliza os recursos da venda de drogas para fomentar outros crimes”, disse o secretário.
 
A última apreensão ocorreu na terça-feira à noite, quando aproximadamente 150 quilos de drogas do tipo ‘skank’ foram apreendidos com três homens na avenida Torquato Tapajós, zona Oeste, em ação coordenada pela Secretaria Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai) da SSP-AM, com apoio de integrantes do Grupo Força Especial de Resgate e Assalto (Fera) da Polícia Civil.
 
 
Sérgio Fontes destaca que neste ano, a expectativa não é superior o recorde de mais de 10 toneladas apreendidas no ano passado, marca superior a somatória dos últimos dez anos. “As quadrilhas modificam sua forma de atuação e nossas estratégias também precisam ser modificadas. O combate intenso ao tráfico tem resultado também na redução dos homicídios”, disse o secretário.
 
Tráfico e homicídios
 
Desde janeiro até maio, os homicídios na capital reduziram 18%, comparado ao mesmo período de 2015. “Além da redução expressiva de número de pessoas que deixam de ser mortas, os dados mostram uma queda consolidada de crimes contra a vida, o que é muito importante na história da nossa capital que há dez anos só via os homicídios aumentarem”, disse Sérgio Fontes.
 
Desde o ano passado, o combate aos crimes contra a vida tem ganhado estratégias diferenciadas e integradas.  “A Polícia Militar vem reforçando o patrulhamento ostensivo diário, além de operações específicas em áreas de grande periculosidade. Esse trabalho, somado a intensificação das investigações da Polícia Civil e cumprimento de mandados e prisões de homicidas, tem surtido resultados positivos”, enfatiza o secretário de Segurança Pública.
 
Segurança na fronteira – O combate ao tráfico de drogas ganhou reforço na fronteira do Estado por meio da ‘Base Anzol’ e ‘Base Garatéia’, posicionadas respectivamente, nos municípios de Tabatinga e Santo Antônio do Içá. Nas duas bases são realizadas constantemente vistorias nas embarcações que trafegam pelo rio Solimões, para seja bloqueada a entrada de entorpecentes e mercadorias.

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here