Sobe para 9 o número de mortos em Brumadinho, 300 estão desaparecidos

Equipes de socorro na região do desastre: governos municipal, estadual e federal montaram gabinetes de crise e mandaram representantes para Brumadinho. (Foto: Moisés Silva / O Tempo / Estadão Conteúdo)

O Corpo de Bombeiros de Minas Gerais divulgou, à 1h30, o último balanço de vítimas após o rompimento da barragem em Brumadinho (MG). De acordo com o relatório, subiu para nove o número de mortos. A busca por desaparecidos foi interrompida na madrugada deste sábado (26/1) e retomadas nesta manhã.

Ainda segundo o documento do Corpo de Bombeiros, 189 pessoas já foram resgatadas, mas 300 ainda não foram localizadas. Na lista de desaparecidos, entre 100 e 150 pessoas estariam na área administrativa da Vale, nas proximidades da barragem que rompeu. Ao longo da madrugada foi realizado cadastramento de familiares das vítimas.

Em entrevista coletiva na noite desta sexta-feira (25), o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), afirmou que vai ser difícil encontrar pessoas vivas. “Muito provavelmente iremos resgatar a partir de agora somente corpos”, disse.

FONTE: METRÓPOLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here