Semsa recebe mais um profissional para o “Mais Médicos”

Um grupo de 14 médicos brasileiros e 5 estrangeiros vieram atuar em Manaus
Um grupo de 14 médicos brasileiros e 5 estrangeiros vieram atuar em Manaus

A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) recebe nesta terça-feira,  1º, mais um profissional selecionado pelo Programa Mais Médicos, do Governo Federal. O médico brasileiro, formado em Cuba e com diploma revalidado pelo Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos (Revalida), vai atuar em unidade básica da Estratégia Saúde da Família, na zona Norte de Manaus.

Já estão trabalhando em Manaus, por meio do Mais Médicos, outros 14 profissionais brasileiros que realizam atendimento em unidades de saúde localizadas nas áreas de periferia urbana nas zonas Norte, Leste e Oeste, e nos postos de saúde rural (terrestre e ribeirinha). Além desse grupo de médicos brasileiros, a Semsa também recebeu cinco profissionais estrangeiros (dois da Bolívia, um da Venezuela, um de Portugal e um da Espanha), que irão atuar em Manaus e estão aguardando a liberação de registro pelo Conselho Regional de Medicina do Amazonas (CRM-AM), o que deve ocorrer ainda esta semana, segundo o diretor do Departamento de Atenção Primária da Semsa, médico Nilson Ando.

“Todos os profissionais do Mais Médicos cumprirão uma carga horária de 40 horas semanais e irão realizar atendimento no programa Estratégia Saúde da Família (ESF), compondo uma equipe formada por um enfermeiro, dois técnicos de enfermagem e sete agentes comunitários de saúde, e fortalecendo a Atenção Primária à Saúde”, explica Nilson Ando.

Os cinco profissionais estrangeiros, juntamente com outros 69 médicos que irão atuar nos municípios do interior do Amazonas, participaram de uma capacitação em nivelamento oferecida pelo Governo do Estado, na Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT/HVD), realizada no mês de setembro, com orientações sobre o perfil epidemiológico das doenças típicas da região Amazônica, as questões de saúde indígena, o controle de endemias como dengue e malária, e as principais doenças e agravos no Amazonas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here