Rodoviários da Via Verde paralisam atividades

O motivo da paralisação se dá pelo não repasse total do pagamento referente às férias dos trabalhadores.

Rodoviários da empresa de transporte coletivo Via Verde paralisaram atividades por volta das 7h da manhã deste sábado (4). O motivo da paralisação se dá por conta do não repasse de pagamento referido às férias dos rodoviários – que estão sem receber desde dezembro de 2019.

Segundo a assessoria do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Manaus (STTRM), a Prefeitura de Manaus passou para a Via Verde o pagamento referente às férias dos rodoviários na última sexta-feira (3). Contudo, a empresa pretende realizar o pagamento parcelado.

Os rodoviários também são contra as punições arbitrárias e o não pagamento direto na conta bancária dos trabalhadores. Para receber o salário, os rodoviários devem aguardar o pagamento no caixa da empresa.

Trabalhadores da estação Vila Marinho, localizada no bairro Compensa, Zona Oeste de Manaus, alegam que o ponto de ônibus está sem água e energia elétrica. No período noturno e, principalmente nos fins de semana, os rodoviários se sentem inseguros por conta da ausência de iluminação no entorno da estação.

Segundo o Sindicato do Rodoviários, os ônibus não sairão das estações Augusto Montenegro, Petrópolis, Vila Marinho, Bairro da Paz e Ulbra, enquanto a Via Verde não tomar uma posição.

O Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) informou que não foi informado sobre a paralisação. O Portal EM TEMPO entrou em contato com a empresa Via Verde e solicitou nota a respeito da reivindicação dos rodoviários e aguarda o posicionamento.

FONTE: EM TEMPO

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here