Revista 2019 do Boi Garantido inova com formato diferenciado

(Foto: Justino Guimarães)

A revista 2019 do Boi do Povão foi lançada nesta quinta-feira (27/06), durante a coletiva de imprensa para apresentação do tema “Nós, o povo”, no Mercado Municipal Leopoldo Neves. “O Garantido foi o primeiro a ter uma revista programa, em 2000, e este ano nossa proposta foi inovar e apresentar a imprensa nacional e internacional um produto editorial profissional”, diz o presidente do boi vermelho, Fábio Cardoso.

“O mercado municipal, recém reinaugurado, foi o local escolhido para a coletiva de Imprensa por representar a riqueza cultural do povo parintinense”, acrescenta o presidente do boi Garantido, bastante otimista com a vitória do bumbá em 2019. A coletiva contará ainda com a presença do coordenador da comissão de Artes, Junior de Souza, que dará detalhes sobre as três noites de espetáculo.

A revista Garantido 2019 tem 122 páginas e tem uma proposta de ter duas capas em uma mesma revista. Enquanto uma capa oferece um conteúdo voltado para os três dias de espetáculo, a outra traz artigos e reportagens e apresentação dos itens.

(Foto: Justino Guimarães)

“O conceito da nossa revista é novo, ela permite que o leitor decida que assunto lhe interessa mais. Se quiser ir direto para as apresentações abre a revista pela capa ‘Nós, o povo’, mas se quiser outro conteúdo de contexto abre pela capa ‘Garantido 2019’, explica o membro da Comissão de Artes, Allan Rodrigues.

Todo o conteúdo da revista do Garantido também está disponível na língua inglesa. Uma parceria com o Centro de Ensino de Línguas (CEL), da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), permitiu a tradução. “O Festival e o Garantido atraem atenção da imprensa internacional e de torcedores em todo o mundo. Por isso, decidimos fazer a revista bilíngue para atender a essa demanda e dar profissionalismo a essa publicação”, conta vice-presidente do Garantido, Messias Albuquerque.

Outra novidade da publicação é a possibilidade de interação com conteúdo disponível na internet por meio de smart fones. Todos os quadros cênicos (lendas, figuras típicas e rituais) possuem uma ficha técnica específica com um QR Code, código de barras bidimensional que pode ser facilmente escaneado usando a maioria dos telefones celulares equipados com câmera. Esse códigos permite, por exemplo, que o leitor possa escutar as toadas de cada quadro cênico via You Tube.

A coordenação editorial da revista foi da Comissão de Artes do Boi Garantido e seu projeto gráfico desenvolvido pela Editora Reggo. Os textos são de Fred Góes, Allan Rodrigues, Alder Oliveira, Adriano Aguiar, Cayo Dias e Eldiney Alcântara, com fotos de Élcio Farias.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here