PSTU fica sem dinheiro por oito meses

cofre-pstu

O Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) julgou que não houve prestação das contas referentes às eleições (2012), do Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados (PSTU), portanto haverá suspensão no repasse do dinheiro do Fundo Partidário por um período de oito meses.

O relator Juiz Ricardo Augusto de Sales explicou que a decisão se deve a que este partido não apresentou a suas contas das eleições de 2012 no prazo estabelecido por lei e tampouco se manifestou sobre o assunto. ///Mercedes Guzmán

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here