Progressistas pedem revisão de cálculos sobre composição da CPI da Saúde

Imagem: Reprodução

e acordo com o deputado estadual Belarmino Lins (PP), os progressistas não abrirão mão do seu direito de participar da CPI da Saúde, e por isso pedem a revisão dos cálculos que determinaram a composição da Comissão Parlamentar de Inquérito criada para investigar supostas irregularidades no sistema de saúde do Estado.

Em discurso no final da sessão virtual da Aleam, na última quarta-feira (27), o líder progressista assegurou que o deputado Josué Neto (PRTB), presidente da Casa Legislativa, adotou uma versão equivocada acerca das regras regimentais para a formação da CPI. “Quando você decide a Presidência para um bloco partidário, a relatoria tem que ir para o outro bloco, mas quando as duas coisas vão para um mesmo lado, aí ninguém vai a lugar nenhum”, detalhou o parlamentar.

Belarmino disse não acreditar que Josué seja o autor das manobras que tentam, de todas as formas, atropelar o Regimento Interno e alijar os progressistas da CPI. “Ora, a nossa representante na CPI seria, ou será, a deputada Mayara Pinheiro, exatamente a presidente da Comissão de Saúde da Aleam, e no entanto, de forma ilegal, ela foi excluída da Comissão”, discursou.

A exemplo do colega deputado Felipe Souza (Patriota), Belarmino apresentou requerimento solicitando a imediata revisão dos critérios que nortearam a constituição da Comissão. “Se nada der resultado, confessamos que, bastante irresignados, os progressistas serão compelidos a ingressar na Justiça buscando a reparação de um ato que não consideram justo”, avisou Belarmino.

Antes de encerrar a reunião legislativa, Josué Neto disse acatar o requerimento do líder progressista e marcou para amanhã (quinta-feira,28) uma nova reunião com as lideranças partidárias para tratar da constituição da CPI. “Conte com minha compreensão e aceite meus respeitos e minha amizade, deputado Belarmino Lins”, finalizou Josué.

1 COMENTÁRIO

  1. Em vez de construir hospitais durante a Copa das Copas do PT , construiu-se prédios inúteis.
    O PT tem um estilo cultural, educacional, artístico e político barango, Kitsch, cafona e brega.
    De todos os partidos do Brasil o PT (Partido dos Trabalhadores) está em último grau. É o dos piores.
    O PT nivela a educação por baixo. Idem a arte e a cultura. PT adora uma baixa cultura. Cultura de massas e lixo. O PT odeia a arte de elite: Beethoven, Dostoiévky e Machado de Assis.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here