Processos contra Lula são reativados pelo juiz Moro

lula-mao-na-cabeça

Liberado pelo Supremo tribunal Federal (STF), o juiz da Operação Lava Jato, Sérgio Moro, decidiu reabrir rigorosamente todas as investigações envolvendo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva em supostos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro na compra e reforma de imóveis, em recebimentos por palestras e em doações ao Instituto Lula. São inquéritos e processos relacionados a buscas e apreensões e quebras de sigilos que têm como alvo o ex-mandatário petista. O despacho do magistrado aconteceu na sexta-feira (24), em Curitiba, sede da investigação original do escândalo de desvios na Petrobrás.

As investigações apuram supostos atos de lavagem de dinheiro na compra e reforma do sítio de Atibaia (SP), no negócio do tríplex do Condomínio Solaris, no balnerário do Guarujá (SP), nos pagamentos para a LILS, empresa de palestras do ex-presidente, e nas doações para o Instituto Lula, entre outros.

“O eminente ministro Teori Zavascki determinou, acolhendo parecer do exmo. procurador-geral da República, a devolução do inquérito. Tendo os autos retornado, traslade-se para estes autos cópia do parecer apresentado no Inquérito 4220 e cópia da decisão de 13 de junho de 2016 na Reclamação 23.457”, despachou Moro, juiz de primeira instância.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here