Mundo

Presidente do Haiti é assassinado dentro de casa

O ataque ocorreu em meio a uma onda crescente de violência política no país.

DA REDAÇÃO – Nesta quarta-feira (7), por volta de 1h da manhã (horário local), o presidente do Haiti, Jovenel Moïse, 53, foi morto a tiros por agressores não identificados na residência oficial. A informação é do primeiro-ministro interino, Claude Joseph. Segundo relatos, os criminosos seriam estrangeiros que falavam espanhol e inglês. A esposa de Moïse, Martine, ficou ferida no ataque que aconteceu no bairro de Pelerin, em Porto Príncipe, e foi internada.

“Todas as medidas estão sendo tomadas para garantir a continuidade do Estado e proteger a nação”, afirmou o premiê, que está agora também no comando do país.

Deixe um comentário