Prefeitura realiza aula inaugural de curso que vai qualificar mototaxistas

curso-mototaxista-pmm1A Prefeitura de Manaus realizou, nesta segunda-feira (13), a aula inaugural do Programa de Capacitação de Mototaxistas, na sede da Escola de Serviço Público Municipal (Espi), no Parque das Laranjeiras, zona Centro-Sul. A meta é qualificar os cerca de 1,6 mil profissionais aprovados no processo de licitação do Município no primeiro semestre deste ano. Na abertura, o prefeito Arthur Virgílio Neto disse que a medida é mais uma garantia de sucesso profissional para a categoria.

“Hoje damos mais um passo na questão da legalização dos mototaxistas. Comecei essa história, ainda, enquanto senador, quando me juntei aos mototaxistas que estavam acampados em Brasília para lutar pelo reconhecimento da profissão. Como prefeito, também fiz valer o direito desses trabalhadores regulamentando a categoria na capital. Fico muito feliz e honrado de participar dessa aula inaugural que vem para somar com essa atividade importante para o transporte coletivo, sobretudo, quando falamos de transporte dentro dos grandes bairros”, destacou o prefeito.
Nessa primeira fase, 300 mototaxistas foram contemplados e receberão treinamento em postura pessoal e profissional, planejamento e controle de finanças. O Programa de Capacitação de Mototaxistas é uma parceria entre a Espi, a Secretaria Municipal de Trabalho, Emprego e Desenvolvimento (Semtrad) e o Centro de Educação Tecnológica do Amazonas (Cetam).

curso-mototaxista-pmm2diretora-geral da Espi, Luiza Bessa, disse que a ideia é fazer com que os profissionais se sintam mais preparados e a população mais confiante para utilizar o serviço. “Temos por dever, além de qualificar os servidores municipais, também preparar os permissionários credenciados pela prefeitura para que atuem da melhor maneira perante a sociedade. Fizemos isso com os camelôs e agora chegou a vez dos mototaxistas. São 150 alunos matriculados durante o dia, aqui na nossa sede, e mais 150 à noite, na Escola Estadual Francisco Albuquerque, no Centro. Demos o start e só vamos parar depois que todos os mototaxistas regulamentados estiverem formados”, afirmou.

“Vale ressaltar que essa parceria vem atender um pedido dos próprios trabalhadores, que revelaram suas dificuldades para que elaborássemos esse programa. Quem ganha é a sociedade de modo geral, mototaxistas, usuários e os condutores da capital, porque verão profissionais mais preparados e conscientes no controle dos veículos”, complementou o secretário da Semtrad, David Reis.Exemplo

curso-mototaxista-pmm3Até quem já não imaginava mais voltar à sala de aula mostrou que não falta disposição para buscar qualificação profissional. Aos 63 anos, Joaquim Moreira Neto afirmou estar muito feliz com a iniciativa e lembrou a luta da categoria para ter sua profissão reconhecida.

“Tudo que conquistamos foi com muita dificuldade e agora o que queremos é colher os frutos. Digo para os meus colegas mais novos que não tem idade para buscar ser um profissional melhor. Estou há 10 anos atuando como mototaxista e agradeço a oportunidade que nos foi dada pela prefeitura”, comentou Joaquim.

Programação dos cursos
1° Curso – Postura Pessoal e Profissional
Carga Horária: 12h
Período: 13 a 15 de outubro

2° Curso – Planejamento e Controle de Finanças
Carga Horária: 20h
Período: 16 a 22 de outubro

3° Curso – Noções de Higiene/Saúde e Educação Ambiental
Carga Horária: 28h
Período: 23 e 28 de outubro a 04 de novembro

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here