Praça da Matriz é reaberta em grande festa popular com mais de 15 mil pessoas

Hoje demos mais um grande passo no nosso projeto de ressignificação do Centro de Manaus, afirmou Artur Neto

Em clima de festa e celebração, o prefeito de Manaus, Artur Virgílio Neto, reinaugurou a Praça XV de Novembro, popularmente conhecida como Praça da Matriz, nesta quarta-feira, 15/11. Mais de 15 mil pessoas participaram da abertura de um dos mais tradicionais passeios públicos do Centro Histórico de Manaus, onde sua história se mescla com a fundação da própria cidade.

“A Matriz é um dos principais cartões-postais de Manaus e um cartão de visita muito vivo da cidade. Aqui pulsa a vida da cidade. Hoje demos mais um grande passo no nosso projeto de ressignificação do Centro de Manaus, resgatando e valorizando a nossa história. “Para mim é um sonho e que muito me comove”, disse o prefeito ao entregar, oficialmente, a praça para o povo de Manaus.

Ainda segundo Artur, a prefeitura continuará com as ações de revitalização histórica da capital. “A Praça da Matriz está de pé. Assim como já está pronta a Praça Tenreiro Aranha, que será entregue em breve. Monumento por monumento vamos devolver a beleza originalmente turística de Manaus”, garantiu.

O prefeito, que fez aniversário na data de entrega da Matriz, ficou bastante emocionado durante seu discurso à população. “Não esperem que eu termine essa fala sem me emocionar. Estou profundamente emocionado, muito feliz por esse momento, por trazer essa praça de tantos significados de volta à vida cotidiana da cidade”, afirmou. “De certa forma é um presente para mim também. Eu me sinto presenteado”, finalizou.

A festa de reinauguração da Matriz se iniciou às 16h e se estendeu até depois das 20h, com shows dos artistas Lucilene Castro, Zezinho Corrêa e Nunes Filho. Os cantores se apresentaram num palco montado nas proximidades do Relógio Municipal, considerado o marco zero da Praça. Foram duas horas de show agitando o público presente. Um dos momentos mais emocionantes foi a ‘Celebração de Bênção’, realizada pelo o Arcebispo Metropolitano de Manaus, dom Sérgio Eduardo Castriani, e pelo pároco da igreja Nossa Senhora da Conceição, padre Hudson.

Também participaram da cerimônia a primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidário (FMS), Elisabeth Valeiko, o vice-prefeito Marcos Rotta, o secretário-chefe da Casa Civil, Arthur Bisneto, o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula, o coordenador do PAC Cidades Históricas, Rafael Assayag, além de representantes do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), entre outros convidados.

Com projeto arquitetônico elaborado pelo Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb), a Praça da Matriz foi entregue requalificada, resgatando o traçado urbano dos anos de 1930. Os passeios públicos novos e os existentes tiveram seus pisos repaginados, dando continuidade ao tom de pedra de lyoz, que vem da fundação original e existe em certos trechos do espaço. A praça também recebeu obras de infraestrutura no entorno e melhorias no Terminal da Matriz, além de novo paisagismo, preservando o conceito histórico.

Natal do Abraço

Com o acendimento da primeira árvore de Natal, na Matriz reinaugurada, a Prefeitura de Manaus dá início à programação natalina da cidade, que este ano tem como tema o “Natal do Abraço”, que será uma grande mobilização em prol do abraço, do laço, do encontro, do amor e de todos os bons sentimentos que florescem nesta época do ano.

“O prefeito Arthur deu ao Fundo Manaus Solidária a missão de agregar as secretarias municipais, movimentos culturais e a população como um todo para que façamos essa grande mobilização e façamos deste Natal um dos melhores da nossa cidade nos últimos anos”, disse a primeira-dama, Elisabeth Valeiko, que preside o Fundo.

*Com informações da assessoria

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here