População afirma que Barcelos está abandonada pelo poder público

Da Redação – A população de Barcelos, município situado à direita do rio Negro, denunciou ao Blog da Floresta o abandono do poder público tanto por parte da Prefeitura quanto do Governo do Estado. Serviços básicos como saúde, educação, saneamento e outros são deficientes. O registro foi durante uma ação social no dia 27, no galpão do Mercadinho do Queimado, na Estrada da Produção, bairro São Sebastião. A ação social foi iniciativa do senhor Raimundo Azevedo em parceria com os Amigos Solidários.

A coordenadora dos Amigos Solidários, Rosa Nobre, agradeceu à equipe de professionais e a parceria com Raimundo Azevedo. Foram disponibilizados serviços de saúde e embelezamento.

Houve palestras de prevenção em saúde pela equipe ‘Saúde em ação’ da UEA, (câncer de mama, útero, doenças transmitidas sexualmente e uso de preservativos). O acadêmico de medicina, Euclides Vicente da Silva disse “Manaus é campeão mundial em casos de câncer de útero e o trabalho de prevenção é importante, 80% dos casos de câncer diagnosticados oportunamente são possíveis de cura, temos índices alarmantes de doenças como a sífilis, HIV e HPV no Amazonas”.

Abandonada pelo poder público

Adilson Barros da Silva mora há 15 anos na cidade, afirma que o Prefeito esta fazendo um pouco, mas falta muita coisa. “Pegou a cidade quebrada e esta tentando reagir, ainda faltam três anos para ele fazer, ainda tenho esperança”.

“Aqui é só lama quando chove e nos temos que trazer farinha da estrada, o prefeito prometeu que íamos viver novos tempos quando era candidato, mas nada mudou, pelo contrario estamos pior”, informa dona Aparecida Lima, moradora há 38 anos no município.

Um funcionário da Prefeitura que pediu para não ser identificado informou que a cidade está suja. “Eu trabalho na limpeza pública e não temos farda, botas e luva. O Prefeito tem que olhar mais para o nosso município, falta investir em servidor”.

Rosinete Garcia mora há trinta anos em Barcelos disse “prioridade deveria ser a saúde, temos um único hospital que não consegue atender a demanda, não tem como realizar exames, agora no mês de outubro rosa as mulheres não fizemos a mamografia, disseram que o equipamento não funciona”.

O navegante do rio Negro preocupado com o povo

Raimundo Jurandir

A iniciativa de realizar a ação social foi do senhor Raimundo Azevedo, o  “Raimundo Jurandir”, ex-vereador e agora comerciante, conhecido na cidade pela sua preocupação com as pessoas. “Tem muita gente que precisa destas ações sociais, eu vejo muita pobreza em Barcelos, pessoas passando fome, aqui o social é fraco, só cuidam de uma parte favorecida, a maioria não é assistida e a renda das pessoas é pouca”, salientou.

Ele afirma também que aumentou a prostituição, o roubo, a venda e consumo de droga. “A policia prende e a justiça solta. Assim aumentam os crimes. Os carros da policia estão caindo aos pedaços. Faltam leis mais contundentes para os criminosos. Muitos estão soltos nas ruas. No interior do Amazonas está difícil. Os governos abandonaram as cidades. A saúde está precária, pois não tem remédios nem atenção básica. A esperança é que melhore. Não temos trabalho, não temos obras nem do governo municipal nem estadual e federal. O dinheiro não circula na cidade”, salientou Raimundo Azevedo.

Por Mercedes Guzmán

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here