Polícia Militar divulga balanço da Operação ‘Águia’ no fim de semana

O resultado da ‘Ação Saturação’ em mais uma fase da Operação Águia deflagrada pela Polícia Militar no fim de semana em Manaus e Região Metropolitana, manteve os níveis de ocorrência dentro das expectativas da Instituição. As ações denominadas ‘Saturação’ são focadas em um levantamento feito pelo Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) junto as CICOMs (Companhia Interativa Comunitária) da Polícia Militar concentrada nas zonas Norte e Leste de Manaus, e contou com o efetivo de 600 policiais militares.

A operação registrou em três dias, 3 a 5 de fevereiro, a abordagem de 15.697 pessoas e aproximadamente 8 mil veículos entre coletivos, motocicletas, automóveis, táxis, mototáxis e caminhões; foram vistoriados 147 bares e similares; apreendeu 7 armas de fogo; recuperou 30 veículos; e 18 pessoas flagranteadas ou que assinaram termos circunstanciados de ocorrência – TCO, totalizaram 29 pessoas. 

A operação foi desencadeada por determinação do Comandante-Geral Coronel PM David Brandão e comandada pelo Subcomandante-Geral, Coronel PM Walter Cruz, e o Chefe do Estado Maior Geral, Coronel PM Sávio, tendo os três grandes comandos da PM, efetivamente envolvidos na ação, e os demais comandos: Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), Comando de Policiamento do Interior (CPI) e Comando de Policiamento Especializado (CPE). De acordo com o coronel PM Walter Cruz, tanto o reforço no efetivo policial, quanto no aparato utilizado durante a operação produziram os efeitos esperados.

Segundo o Comandante-geral, Coronel PM David Brandão, a operação foi organizada com base em um estudo minucioso e estratégico, envolvendo todas as 30 Companhias Interativas Comunitárias (CICOMs). “A Policia Militar tem um papel significativo em servir e proteger, desenvolvendo ações de prevenção e repressão para garantir a manutenção da ordem pública e assim dar pronta resposta no combate à criminalidade. Durante esses três dias de operação o patrulhamento ostensivo ganhou reforço em locais estratégicos, e que em determinados horários são alvos da atuação de criminosos”, enfatizou David Brandão.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here