Polícia Civil realiza Concurso de Desenhos para comemorar o Dia das Crianças

concurso-policia-civil2O mês das crianças já chegou e para comemorar a data, a Polícia Civil do Estado do Amazonas, por meio da Delegacia Seccional da Zona Oeste da Capital, realizou em seis Escolas Municipais de Manaus um concurso de desenhos, através do Programa “Delegado Legal”. Com base na cartilha do programa, uma maratona de atividades envolvendo palestras com alunos da rede municipal foi desenvolvida desde o dia 15 de setembro, com o intuito de aproximar a comunidade estudantil das políticas anti-drogas e anti-violência pela ótica da sensibilidade artística.

Equipes da Polícia Civil, entre delegados, investigadores, escrivãs e psicólogos participaram do trabalho junto aos jovens e puderam conhecer de perto a realidade de crianças e adolescentes que, na maioria das vezes, não são contadas na escola. Cada estudante recebeu após as palestras uma folha em branco para desenvolver em forma de desenho o seu olhar sobre temas como: droga, violência doméstica e segurança pública.

concurso-policia-civil3Criatividade, sensibilidade, cultura de paz e valorização da vida, foram alguns dos tópicos levados em conta pela comissão responsável pela escolha de cada desenho por escola. Cerca de 300 alunos da 5° série, entre 10 a 12 anos, de escolas distribuídas na rede municipal de ensino disputaram entre mais de 100 desenhos, o primeiro lugar em cada um dos colégios.

As escolas participantes do concurso, foram divididas e escolhidas de acordo com as seis zonas da cidade, são elas: Escola Municipal Ana Sena (Zona Norte), Escola Municipal Agenor Ferreira (Zona Leste), Escola Municipal Gelcy Sena (Zona Centro Oeste), Escola Municipal São Pedro (Zona Oeste), Escola Municipal Emanuelle Ribeiro Cardoso (Zona Centro Sul) e Escola Municipal Professor José Wandemberg Ramos (Zona Sul). De acordo com a coordenação do projeto “Delegado Legal”, todas as escolas municipais foram selecionadas pela carência de tratamento com assuntos relacionados a violência. As equipes da Polícia Civil que acompanharam os jovens nos colégios contaram com total apoio de todos os professores, diretores e pedagogos envolvidos na ação.

concurso-policia-civil'Interação com a comunidade

“Inicialmente a importância do trabalho é a interação com a comunidade dos jovens e estudantes e ao mesmo tempo conhecer e decifrar a realidade que cada um passa dentro de casa. Ficamos surpresos e bastante satisfeitos com o resultado do Concurso, alguns desenhos reforçam a realidade que já imaginávamos. A maioria das artes denuncia, ainda que inconscientemente, o que algumas dessas crianças vivem em casa, no dia-a-dia, no cotidiano. Percebemos  os maus tratos, o abuso, o abandono. No resultado dessa ação fica bem clara a questão social desses estudantes. ”, ressalta a Titular da Seccional Oeste e Coordenadora da Ação, Delegada Suely Costa.

Ainda segundo Suely, os desenhos onde forem identificados por ventura, algum grave problema social, serão encaminhados à psicóloga da equipe Débora Dailane, responsável pela abordagem aos estudantes.

concurso-policia-civil4A premiação das seis melhores artes acontece no próximo dia 10 de outubro, dois dias antes do Dia das Crianças, na Seccional Oeste, situada na Travessa Hermes Fontes, bairro Compensa 3, às 14h30. A solenidade deve contar a presença de toda a equipe da Polícia Civil envolvida na ação, professores e diretores das escolas envolvidas, além dos pais e responsáveis.

O prêmio para cada uma das seis crianças escolhidas será uma bicicleta. Já para a Polícia Civil, a maior premiação é a certeza da prevenção aplicada a uma geração cheia de esperanças na polícia e em um futuro melhor.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here