PMs realizam parto em via pública

Segundo o tenente Odelismar, antes de ser internada a mãe confirmou que a filha vai se chamar Vitória (Foto: Arquivo pessoal)
Segundo o tenente Odelismar, antes de ser internada a mãe confirmou que a filha vai se chamar Vitória (Foto: Arquivo pessoal)

Com a ajuda de dois policiais militares, a dona de casa Daiane Franco Lopes, de 24 anos, deu à luz a uma menina na noite desta segunda-feira (16). O parto prematuro foi realizado pelo tenente Odelismar Alves e o cabo Davi Praia, da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), após serem abordados pela jovem que sentiu as dores enquanto caminhava na Avenida Coronel Teixeira, na Zona Oeste de Manaus.

Tanto a mãe quanto a criança passam bem e foram levadas à Maternidade Doutor Moura Tapajóz, na Avenida Brasil. A dupla de policiamento ostensivo estava em patrulhamento quando foi chamada para prestar socorro. “Nós estávamos passando e algumas pessoas sinalizaram pedindo ajuda. A Daiane estava sozinha e pediu socorro a quem passava na rua. Foram essas pessoas que sinalizaram. Nós chegamos a tempo de conseguir dar um auxílio”, contou o tenente Odelismar Alves.

A criança nasceu prematura, aos 7 meses, com 2,1 quilos e 43 centímetros. Segundo ele, apesar da proximidade com a maternidade e com a disponibilidade da viatura para levar a moça, não houve tempo para que o parto fosse realizado por um médico na unidade hospitalar.

“Foi tudo muito rápido. Quando eu vi a criança estava saindo e precisamos primeiro finalizar o processo do parto para poder ir até o hospital”, ressaltou.

Daiane deu à luz no banco de um carro que também estacionou para ajudar. Assim que chegou ao hospital, ela e a criança passaram pelos procedimentos médicos. Ainda de acordo com Odelismar, antes de ser internada, a mãe informou que a filha vai se chamar Vitória. / Por A Crítica

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here