Platiny Soares denuncia que governo não responde a requerimentos da Aleam

“O governo não responde a ninguém", afirmou Platiny
“O governo não responde a ninguém”, afirmou Platiny

O deputado Platiny Soares (DEM) denunciou, nesta terça-feira (6), que o governo do Estado não está respondendo aos requerimentos encaminhados pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam).

“O governo não responde a ninguém. Se calou diante de todos os problemas do Estado, vive encastelado”, disse o parlamentar, durante discurso proferido no Grande Expediente, na tribuna da Casa.

O parlamentar afirmou que um dos requerimentos sem resposta solicita informações sobre a construção de um muro na residência particular do governador Amazonino Mendes (PDT), que estaria sendo construído por empresa prestadora de serviços ao Estado.

Segundo Platiny, “não houve publicidade do contrato com a empresa, nem valores empregados, nada que consiga acabar com toda a suspeição diante da contratação da empresa”.

Outro requerimento encaminhado pela Aleam, e até o momento ignorado pelo Executivo, diz respeito ao parecer da Procuradoria Geral do Estado recomendando a extinção do Quadro Especial da Polícia Militar, que acaba com as promoções por tempo de serviço na carreira dos PMs.

Na avaliação do deputado, a partir do momento em que o Executivo fecha o canal de comunicação com as categorias, dá margem para outras ações, a exemplo da greve dos policiais militares marcada para o próximo dia 15. “O que vai ocorrer nesse Estado é uma greve da PM, que tem a total culpa do governo do Estado, porque não quer abrir o canal de comunicação”, anunciou Soares. Ele advertiu que é dever do governo se comunicar com as categorias.

Conforme Platiny Soares, a Mesa Diretora da Aleam tem que tomar uma medida em relação ao governo, tendo em vista a atribuição que o Poder Legislativo tem de fiscalizar o Poder Executivo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here