‘Ópera Mirim’ realiza apresentação no Hospital Infantil Dr. Fajardo

(Foto: Michael Dantas/SEC)

Um passeio pela história de Gioachino Rossini. Assim foi a segunda apresentação do “Ópera Mirim”, que aconteceu na manhã desta segunda-feira (29/4), no Hospital Infantil Dr. Fajardo, em Manaus. O projeto faz parte da programação do 22º Festival Amazonas de Ópera (FAO), realizado pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria Estadual de Cultura (SEC), com patrocínio master do Bradesco, por meio da Lei de Incentivo à Cultura, Ministério da Cidadania e Secretaria Especial de Cultura. O festival segue com apresentações de ópera, recitais e concertos até 30 de maio.

O espetáculo “Rossini por um fio”, apresentado pelos artistas do Pequeno Teatro do Mundo, conta a história da vida do compositor italiano e de algumas de suas composições mais famosas. “Falamos um pouco da infância até a vida adulta dele, dos bastidores da ópera, sobre as composições dele e também conseguimos interagir com a plateia”, disse Fabiana Vasconcelos Barbosa, uma das artistas do espetáculo.

Durante o espetáculo, os artistas contam que Rossini escreveu 39 óperas, em sua maioria cômica, e apresentam algumas: “Il Barbiere di Siviglia (O Barbeiro de Sevilha)”, “La Cenerentola (Cinderela)”, “La Gazza Ladra (A Pega Ladra)”, “Guilherme Tell” (título original em francês “Guillaume Tell”) e “Duetto buffo di due gatti” (Dueto dos Gatos). Esta última atribuída a Rossini.

A dona de casa Alcilene Castro, 35, acompanhou a apresentação ao lado da filha Ruth, e elogiou a iniciativa. “Minha filha acabou de ser atendida e resolvemos assistir. Gostamos muito. Eu achei muito interessante, um momento de lazer. Deu para aprender um pouco de ópera, que eu não conhecia”, disse.

O espetáculo “Rossini por um fio” será reapresentado no Hospital Joãozinho, no dia 4 de maio. Depois, o “Ópera Mirim” segue com apresentações de “L’enfant et les Sortilèges” (“O Menino e os Sortilégios”), de Maurice Ravel, no hall do Teatro Amazonas nos dias 5, 12 e 26 de maio, sempre às 11h, com entrada gratuita; nos municípios Santa Isabel do Rio Negro (17/5) e Benjamin Constant (18/5); e no Centro de Educação em Tempo Integral (Ceti) Zilda Arns (29/5).

Sobre o 22º FAO – Em 2019, o FAO celebra o centenário de nascimento de Claudio Santoro com a apresentação da ópera “Alma”, do compositor e maestro amazonense. Também estão na programação “Ernani”, de Giuseppe Verdi; “Maria Stuarda”, de Gaetano Donizetti; “Tosca”, de Giacomo Puccini; e “Mater Dolorosa”, baseada na cantata “Stabat Mater Dolorosa”, de Giovanni Pergolesi.

Os ingressos para o FAO 2019 estão à venda na bilheteria do Teatro Amazonas e pelo site Bilheteria Digital (www.bilheteriadigital.com/teatroamazonas), com valores que vão de R$ 2,50 a R$ 60.

A programação do festival abrange ainda o Recital Bradesco, com canções compostas por Claudio Santoro; o projeto “Ópera Mirim”; o encontro “Os Teatros de Ópera e a Economia Criativa na América Latina”, voltado para apresentar dados e casos de sucesso sobre a Indústria da Ópera na América Latina; o concerto do Dia das Mães; e Mulheres da Ópera.

Sobre o Bradesco Cultura – Com centenas de projetos patrocinados anualmente, o Bradesco acredita que a cultura é um agente transformador da sociedade. O Banco apoia iniciativas que contribuem para a sustentabilidade de manifestações culturais que acontecem de norte a sul do país, reforçando o seu compromisso com a democratização da arte. São eventos regionais, feiras, exposições, centros culturais, orquestras, musicais e muitos outros, além do Teatro Bradesco em São Paulo.

Em 2019, estão previstas diversas atrações como o espetáculo “OVO”, do Cirque du Soleil; os festivais de Parintins e Tiradentes; as festas juninas de São João do Caruaru e Campina Grande e o Natal do Bradesco, em Curitiba. Segue em cartaz “O Fantasma da Ópera”. 

Para mais informações sobre essas e outras ações, projetos e atividades desenvolvidas pela Secretaria de Estado de Cultura, acesse o Portal da Cultura (www.cultura.am.gov.br). Confira também os perfis do órgão no Facebook, Twitter e Instagram – culturadoam.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here