Nova organização indígena é criada em Rio Preto da Eva

Aiuarpe abrange 17 famílias do povo Marubo, entre outras etinias
Aiuarpe abrange 17 famílias do povo Marubo, entre outras etinias
A Aiuarpe abrange 17 famílias do povo Marubo, entre outras etnias

A Associação Indígena União das Águias de Rio Preto da Eva (Aiuarpe) é a mais nova organização indígena criada no interior do Estado, com o apoio do Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado para os Povos Indígenas (Seind) e parceiros. A entidade nasce com o objetivo de adquirir benefícios nas áreas de saúde, educação, lazer e desenvolvimento sustentável, para aproximadamente 53 famílias, numa localidade em que a agricultura familiar é um dos pontos fortes.

Produtos como a banana in natura, por exemplo, já fazem parte da merenda escolar e são adquiridas pela prefeitura de Rio Preto da Eva (a 80 quilômetros de Manaus), junto aos próprios indígenas.

A Aiuarpe abrange 17 famílias do povo Marubo, que moram há quase 14 anos no município, e por outros indígenas dos povos Kokama, Kulina, Sateré-Mawé, Mura e Mayoruna. Boa parte dessas pessoas fazia parte da Associação Beija-Flor, que também trabalha em sintonia com a Seind e outras instituições, por meio do Comitê Gestor de Atuação Integrada entre o Governo do Amazonas e a Fundação Nacional do Índio (Funai).

“Em sua missão de formular e promover políticas públicas, a secretaria tem procurado prestar apoio às organizações indígenas e, também estamos à disposição da Aiuarpe, para a elaboração de projetos que possam beneficiar as comunidades envolvidas”, informou o secretário adjunto da Seind, Amarildo Maciel Munduruku, que esteve em Rio Preto da Eva no último fim de semana, para acompanhar a cerimônia de posse da diretoria executiva e do conselho fiscal da Aiuarpe.

aiuarpe-02A nova entidade tem como presidente, a marubo Ingleissiane Leandro da Costa; e como vice-presidente, Raimundo Nonato Sateré. A equipe tem ainda Karina Kokama, como primeira secretária; e Renato Ribeiro de Souza, como tesoureiro.

A Aiuarpe fica na rodovia AM-010, quilômetro 105, no ramal ZF-09C (quilômetro 4).

“A Seind tem nos apoiado desde o princípio e prestou apoio jurídico para que fosse feita a constituição da associação. Nossa parceria está bem afinada”, frisou o líder indígena, Iranir Marubo, 41.

Sede própria

Durante a posse, a presidente Ingleissiane Marubo destacou o plano de ação para os próximos três anos. Uma das prioridades é a construção de uma sede e um posto de saúde indígena na comunidade.

A Prefeitura fez o melhoramento do ramal em 2014, e já está em fase de licitação a construção de uma escola municipal na ZF 09.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here