Nova adutora no Santo Antônio começa a operar até o fim do ano

(Foto: Divulgação)

A concessionária Águas de Manaus trabalha há cerca de 70 dias na modernização de uma adutora de água tratada que sai da Ponta do Ismael e alimenta os sistemas de abastecimento São Jorge/São Raimundo e Castelhana. O novo trecho, de aproximadamente 1.100 metros, vai substituir duas adutoras antigas que passam pelo mesmo local.

A nova adutora de água tratada faz parte dos investimentos para melhorias no abastecimento que a concessionária vem fazendo na cidade. As antigas tubulações, implantadas pelos ingleses em Manaus, possuem 500mm de diâmetro e serão desativadas após a obra. A nova rede é mais moderna, possui 800mm e deve entrar em operação no mês de dezembro.

A substituição da adutora irá beneficiar 140 mil pessoas que moram na região. A segurança proporcionada pela nova tubulação é um dos principais ganhos. Além disso, os trabalhos de manutenção serão facilitados com a implantação da nova rede.

OBRAS E TESTES – Os trabalhos de substituição estão atualmente concentrados na rua Raul de Azevedo, no bairro Santo Antônio. Em um trecho na esquina com a rua José Bonifácio, será necessário desviar as novas tubulações da rede de drenagem que passa no local. Devido a este ponto mais complexo da obra, a previsão é que os serviços e testes das novas tubulações estejam concluídos em 90 dias e a nova adutora de 800mm entre em operação em dezembro. “Estamos cumprindo nosso cronograma inicial e vamos entregar dentro do prazo. Esse trecho na esquina com a José Bonifácio precisa ser feito com cuidado. Mas, nossas equipes estão trabalhando inclusive no período noturno para concluir a intervenção. Esta obra trará um grande benefício para as pessoas aqui da região, principalmente em relação a segurança”, disse o gerente de engenharia da Águas de Manaus, Ary Laydner.

O trânsito em um trecho da rua Raul de Azevedo precisou ser desviado para as ruas adjacentes. A concessionária, no entanto, tem dado o suporte necessário para minimizar o impacto aos moradores do local. “É uma obra complexa, afinal, são tubulações de grande diâmetro, em escavações profundas. Estamos tomando todo cuidado necessário na região, sinalizando tudo com segurança para os pedestres, moradores e o trânsito na área. Alguns trechos da rua estão interditados, mas esses transtornos são temporários. Estamos ainda dando todo suporte possível aos moradores, utilizando inclusive carros-pipa na limpeza da área”, completou Ary Laydner.
Em novembro, na etapa final da obra, algumas paradas programadas serão realizadas na região para que a adutora seja integrada ao sistema de abastecimento com segurança.

MELHORIAS CONSTANTES – Hoje, Manaus possui 98% de abastecimento de água, com benefício direto a 2 milhões de pessoas. A estrutura para distribuir água tratada em Manaus é proporcional ao tamanho da cidade. No total, a rede de distribuição possui 3.566 quilômetros de extensão. Somente em adutoras, são 245 mil metros de grandes tubulações, com diâmetros de que variam de 150 a 1800 milímetros.

Mais de 630 milhões de litros de água são captados diariamente do rio Negro e tratados sob um rígido controle de qualidade. A Águas de Manaus vem melhorando os serviços de abastecimento em todas as zonas da cidade ao longo de 2019, investindo na manutenção, substituição e ampliação das redes de água e agregando cinco novos reservatórios ao sistema de abastecimento.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here