No combate ao Covid-19, instituições levam alimento e produtos de higiene à comunidades carentes

Foto: Divulgação

Neste domingo, 29/3, o projeto Aliança em Inovações Tecnológicas e Ações Sociais (AITAS) em parceria com Uninorte, Nilton Lins, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA Jr.) estiveram na comunidade Nova Esperança (também conhecida como “Tiú”), localizada na BR-174, entregando alimentos, roupa e produtos de limpeza. A atividade fez parte da implementação do projeto ‘Semeando Esperança’, cujo objetivo é levar conforto aos cidadãos em situação de vulnerabilidade social.

“Me sinto contagiada, encantada e motivada a construir laços com as comunidades. Escrevemos uma nova história com essas pessoas, mesmo em tempo de crise e confinamento. Tomando todos os cuidados com máscaras e álcool em gel. Estamos aqui, em tempos do Covid 19 levando um pouco de conforto a cidadãos que estão em vulnerabilidade social”, disse a engenheira e também assistente social Alice dos Santos Pedraça, vice-presidente da AITAS.

Foto: Divulgação

Pedraça ainda ressaltou a colaboração dos parceiros que dispõem do pouco que tem para abrandar a dor do próximo e agradeceu os donativos. “Não tínhamos ideia da grandeza que essas comunidades e que têm muitas demandas na saúde e educação”.

“Hoje foi impar para o CREA Jr., percebemos o quanto é impactante as ações sociais e quepodem ser importantes para as comunidades”, afirmou Beth Luna, aluna de engenharia mecânica e diretora-executiva do CREA Jr.

Claudenor de Souza Piedade, químico e mestre em Biotecnologia, afirmou que mesmo em atitudes simples, com poucos recursos, o impacto das ações sociais nas comunidades são impressionantes. “A sociedade por suas desigualdades carece da aproximação das pessoas que fazem essa diferença, quebrando a resistência e acionando novas perspectivas para a sociedade.”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here