Mouhamad Moustafa é preso novamente

Moustafa é acusado de liderar um esquema que desviou R$ 110 milhões da Saúde no Amazonas
Moustafa é acusado de liderar um esquema que desviou R$ 110 milhões da Saúde no Amazonas

Foi preso novamente no sábado (21), em Manaus, por ultrapassar o limite do perímetro urbano permitido, o médico e empresário Mouhamad Moustafa, acusado na Justiça de liderar um esquema criminoso que desviou R$ 110 milhões da Saúde no Amazonas, conhecido como “Maus Caminhos”. Ele usava tornozeleira eletrônica. A informação foi confirmada pelo advogado de Mouhamad, Ravik Ribeiro

De acordo com o advogado, outros detalhes sobre a prisão estão sendo levantados por outra advogada do réu, Simone Guerra, para que as medidas possam ser tomadas. “Estou esperando chegar algumas informações, ainda não sei a totalidade disso”, disse. Segundo Ravik, Mouhamad negou ter saído do limite permitido. “Ele afirma que não saiu do perímetro que lhe era permitido”. O advogado ressaltou que ainda não sabe para onde Mouhamad foi levado.

Moustafa é acusado na Justiça de liderar uma organização criminosa que desviou R$ 110 milhões de verbas públicas por meio de contratos da Secretaria de Saúde do Estado (Susam) com o Instituto Novos Caminhos, segundo denúncia do Ministério Público Federal. Uma operação foi deflagrada pela Polícia Federal no dia 20 de setembro de 2016, a “Maus Caminhos”, que culminou com a prisão de Mouhamad e da advogada dele, Priscila Marcolino Coutinho. 

As informações são de reportagem da A Crítica

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here