Ministro garante continuidade do ‘Luz Para Todos’ no AM

Foto: Continuidade
Foto: Continuidade

Em reunião, nesta terça-feira (13), com a bancada federal do Amazonas, o ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, garantiu para a deputada federal do Amazonas, Conceição Sampaio (PP-AM), que o programa “Luz  Para Todos”, no estado amazonense, terá sua programação e projetos continuados, mesmo havendo a privatização da Eletrobras/Amazonas Energia.

 “Tive essa grande preocupação, porque muitas famílias no Amazonas só tiveram o acesso à energia por meio do programa. O meu receio era que, se havendo a privatização, o programa seria continuado? Então, eles nos deu essa garantia, que o povo do Amazonas não será prejudicado”, afirmou.

O programa Luz Para Todos, coordenado pelo Ministério de Minas e Energia, foi criado em 2003 com o objetivo de acabar com a exclusão elétrica no País. A execução do programa é feita pelas concessionárias de energia elétrica e cooperativas de eletrificação rural, em parceria com os governos estaduais. Durante a execução do programa, foram localizadas outras famílias que não recebiam o serviço e o Luz para Todos foi prorrogado, por meio do Decreto nº 7.520/2011, para o período de 2011 a 2014.

Demissões na Amazonas Energia

Na reunião com a bancada, o ministro Fernando Coelho se comprometeu com a bancada a não efetivar demissão de pelo menos 700 funcionários da Eletrobras Amazonas até o final do processo de privatização.“A reunião foi importante, porque mais uma vez nós deixamos claro o posicionamento que a bancada do Amazonas tem e a preocupação com a subsidiaria que é a Amazonas Energia. Por que tem a situação da empresa e tem a situação da população: quem pagará essa conta? Uma empresa privada ela quer ter lucro e essa é nossa grande preocupação”, afirmou a parlamentar.

A demissão em massa de funcionários não concursados da Eletrobras Amazonas Energia foi anunciada pela empresa em comunicado extraordinário. São 700 funcionários, com risco de perda do emprego, a maioria deles com a média de dois a três anos para se aposentar e sem condições de retorno ao mercado de trabalho.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here