Ministério Público denuncia cunhado de Ana Hickmann por homicídio doloso

Ana Hickmann ao lado de seu cunhado Gustavo Henrique Bello Correa
Ana Hickmann ao lado de seu cunhado Gustavo Henrique Bello Correa
Ana Hickmann ao lado de seu cunhado Gustavo Henrique Bello Correa

O Ministério Público do Estado de Minas Gerais ofereceu nesta quinta-feira denúncia por homicídio doloso (quando há intenção de matar) contra o cunhado da apresentadora Ana Hickmann, Gustavo Henrique Bello Correa, de 35 anos, pela morte de Rodrigo Augusto de Pádua, 30, o fã obcecado que atacou a modelo em um hotel em Belo Horizonte, em maio deste ano.

A denúncia contraria as conclusões da Polícia Civil. Em 20 de junho, o delegado responsável pelo caso, Flávio Grossi, pediu o arquivamento do inquérito, dizendo que o cunhado da apresentadora agiu em legítima defesa. Na denúncia oferecida à Justiça, o promotor Francisco de Assis Santiago afirma que Correa excedeu a condição de legítima defesa e praticou homicídio doloso. Para a promotoria, a principal prova do crime é que Pádua morreu com três tiros na nuca.

(Com Estadão Conteúdo)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here