Mário Frota: Por não aceitar roubalheira aprovei quatro projetos contra a corrupção

Ver. Mário Frota
Ver. Mário Frota
Ver. Mário Frota

Nesses últimos três anos aprovei, na Câmara Municipal da nossa Manaus, quatro projetos de lei que tem por objetivo dar combate a esse cancro, chamado corrupção, que corrói o tecido nacional, colocando o Brasil entre as nações mais corruptas do Planeta.

O primeiro, inspirado na Lei da Ficha Limpa, aprovado pelo Congresso Nacional, teve por objetivo impedir que pessoas julgadas e sentenciadas em colegiado ficassem impedidas de exercer cargos nos dois poderes Legislativo e no Executivo;

O segundo, que extinguiu o famigerado “auxílio paletó” foi o que encontrei maior resistência. Esse projeto foi o primeiro aprovado no País, antecipando-se em um mês ao aprovado pelo Congresso Nacional;

O terceiro foi o que proíbe Ongs, Oscips e fundações de receber, a título de convênios, recursos dos cofres da Prefeitura e da Câmara Municipal;

Por fim, conclui o projeto que proíbe vereador, ou seu parente, até segundo grau de receber, via convênios, dinheiro dos cofres dos poderes Executivo e Legislativo do município de Manaus.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here