Marcelo Serafim pede a Semsa levantamento do número de fisioterapeutas em Manaus

Ver. Marcelo Serafim
Ver. Marcelo Serafim
Ver. Marcelo Serafim

Averiguar se a quantidade de profissionais de Fisioterapia supre a demanda de atendimento na cidade, é o objetivo do vereador Marcelo Serafim, líder do Partido Socialista Brasileiro (PSB), na Câmara Municipal de Manaus que apresentou, ontem (20), a Mesa Diretora da Casa Legislativa o requerimento n˚ 3303/2014 solicitando informações da Secretária Municipal de Saúde (Semsa) do quadro de profissionais desta área específica.

Ter conhecimento do quadro de Fisioterapeutas que desempenham suas atividades no município foi a justificativa do parlamentar que também preside a Comissão de Saúde da Câmara (COMSAU-CMM). O documento solicita a Semsa o número de profissionais de Fisioterapia com suas respectivas locações, quantos estão de licença médica, a relação de Unidades por Distrito com o número de fisioterapeutas por turno, quantos estão nas maternidades da rede de saúde pública, se a quantidade supre às necessidades de atendimento a população que necessita dos serviços do fisioterapeuta e quantos Centros especializados de fisioterapia existem.

“O fisioterapeuta contribui na reabilitação das pessoas com deficiência e acredito, se for necessário, que outros profissionais devem ser incorporados ao quadro, por esta razão é de extrema relevância a Comissão de Saúde da Câmara ter esses dados, precisamos saber se o atual número atende de fato a demanda de pacientes em Manaus.”, enfatizou Marcelo Serafim.

Empregabilidade

Nos grandes centros urbanos, os recém-formados pode encontrar alguma dificuldade em conseguir trabalho nas áreas tradicionais (respiratória, ortopédica e neurológica), mas existem outras especialidades promissoras, como a oncologia, a dermatofuncional, a saúde da família e do trabalhador e a reabilitação cardiovascular. A fisioterapia hospitalar continua demandando profissionais. O Sudeste concentra o maior número de vagas e os melhores salários. Porém, mais viável é conseguir trabalho no Norte e Nordeste do país. 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here