Mamofante: Híbrido de mamute e elefante pode ser criado em 2 anos

Cientistas querem trazer de volta à vida espécie extinta 4.000 anos atrás
Cientistas querem trazer de volta à vida espécie extinta 4.000 anos atrás

Dentro de dois anos, um embrião híbrido de elefante e mamute poderá ser criado pelos cientistas. É isso que afirma George Church, líder de uma equipe de pesquisadores da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, que está trabalhando para tornar o projeto realidade. Ele falou sobre os estudos durante o encontro anual da Associação Americana para o Avanço da Ciência (AAAS, na sigla em inglês), que acontece esta semana em Boston. O sucesso do projeto pode representar um passo importante para um objetivo ainda mais ambicioso dos cientistas: ressuscitar o mamute-lanoso, espécie completamente extinta há 4.000 anos.

A ideia dos pesquisadores é projetar alguns traços do animal pré-histórico em um elefante asiático. A criatura, que foi apelidada de “mamofante”, seria bem parecida aos elefantes que conhecemos hoje, mas com características como orelhas pequenas, uma capa de gordura mais grossa debaixo da pele, pelos desgrenhados e sangue adaptado ao frio. Para isso, os cientistas utilizaram uma poderosa técnica de edição genética chamada CRISPR/Cas9, na qual partes do DNA são recortadas, copiadas e deletadas como se fosse arquivos digitais de computadores. Esse mesmo método foi utilizado em 2014 para criar os primeiros macacos transgênicos.

(Da Veja)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here