Luiz Castro cobra oitava assinatura para instalação da CPI da Saúde

Em pronunciamento nesta quarta-feira (7), na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado Luiz Castro (REDE) reafirmou seu apoio aos trabalhadores da área da Saúde e cobrou a instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde, que pretende analisar todos os contratos firmados entre o governo estadual e empresas privadas entre os anos de 2012 e 2017.

O requerimento de solicitação da CPI da Saúde, que tem o próprio Luiz Castro como autor, juntamente com o deputado José Ricardo Wendiling (PT), já possui assinatura de sete deputados, porém ainda é preciso que pelo menos mais um parlamentar assine o pedido de investigação, para que a CPI seja instalada na Aleam. “O mais importante compromisso que um parlamentar tem é de representar, em primeiro lugar, a população”, afirmou Castro, avaliando como “estranha” a resistência da maioria dos deputados em apoiar a CPI.

Em hipótese alguma a CPI deve ser encarada como uma afronta á qualquer grupo político, segundo o deputado. “É uma investigação necessária, e deve ser feita com equilíbrio e competência técnica”, destacou.

Castro também ratificou seu apoio ao Movimento Organizado dos Trabalhadores da Saúde (Mots-AM), cujos representantes estiveram na Aleam para pedir apoio do Parlamento Estadual nas reivindicações sobre correção da data base da categoria, o retorno do ticket alimentação, reajuste no valor do vale transporte, reativação e recom­posição da mesa estadual de negociação permanente do Sistema Único de Saúde (SUS), dentre outros tópicos.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here