Lira e Pacheco engajados no movimento pela prorrogação do Auxílio Emergencial

Dep. Átila Lins (PP)

Segundo o deputado federal Átila Lins (PP), o deputado Arthur Lira (PP-AL) e o senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG), respectivamente candidatos ao comando das Mesas Diretoras da Câmara Federal e do Senado, estão mais do que integrados no movimento entre os parlamentares do Congresso Nacional que defendem a prorrogação do Auxílio Emergencial de R$ 600 por 90 dias.

Apoiados pelo presidente Jair Bolsonaro, Lira e Pacheco concordam com a busca de mecanismos financeiros que se encaixem no Orçamento da União de 2021 em favor da extensão do Auxílio por mais três meses em função da pandemia do coronavírus.
“Esse movimento, em que me incluo, tem a simpatia do presidente da República, que reconhece o recrudescimento da crise sanitária e o aumento do desemprego, não podendo deixar a mercê da própria sorte 68 milhões de brasileiros que vivem em estado de pobreza e vulnerabilidade”, diz Átila.

Ele afirma acreditar que o movimento acabará quebrando a resistência do ministro da Economia Paulo Guedes e equipe à prorrogação do benefício. Guedes alega que o Auxílio compromete o teto de gastos e aumenta a crise fiscal do país. No entanto, os parlamentares pró-Auxílio consideram existir mecanismos capazes de encaixar a proposta sem pressionar o teto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here