Lei municipal cria dia de conscientização e combate à depressão pós parto em Manaus

A depressão pós parto pode causar angústia, tristeza sem motivos aparentes, acompanhada de desespero.

A depressão pós parto é uma doença que atinge cerca de 40% das mulheres no Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde. Com o objetivo de prevenir a doença o executivo municipal sancionou a Lei 2.498, que institui no calendário oficial de Manaus, o Dia de conscientização e combate à depressão pós parto. A lei é de autoria do vereador Hiram Nicolau (PSD), aprovada na Câmara Municipal de Manaus (CMM), após ampla discussão entre os vereadores. 

Durante o dia de conscientização deverão ser realizadas atividades como palestras, debates, seminários, aulas, cursos de capacitação e qualificação de profissionais, workshops, palestras, distribuição de material educativo e outras atividades que contribuam para a divulgação das informações relativas à prevenção da depressão pós parto. 

As ações deverão ser focadas no atendimento às gestantes atendidas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e maternidades do município de Manaus e tem como objetivo realizar a prevenção e detecção precoce da doença. 

“O objetivo é diagnosticar e tratar essas mulheres, evitando as graves complicações que a doença traz a curto, médio e longo prazos. Os profissionais que atendem essas mulheres serão capacitados para que possam ter consciência quanto à gravidade dessa doença”, explica Hiram Nicolau. 

Os sinais da depressão pós parto são os mesmos da depressão, entre eles estão as alterações de humor, irritabilidade, insônia, não ter vontade de fazer nenhuma atividade rotineira, nem mesmo os cuidados pessoais com higiene e saúde e também de cuidar do bebê.

A depressão pós parto pode causar angústia, tristeza sem motivos aparentes, acompanhada de desespero. Especialistas dizem que ainda não há uma causa definida para a doença mas defendem que o diagnóstico precoce é fundamental para o sucesso do tratamento e cura da doença.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here