Itacoatiara pode ter a maior cheia de sua história

No último sábado, a cota do rio Amazonas, medida pela régua do Porto de Itacoatiara, estava em 11,38m. Ocorre que as chuvas constantes no município estão fazendo as águas subirem a razão de 8-10 cm por dia. Como o regime da vazante só começa em junho, a subida da água, neste ritmo, pode provocar a maior cheia da história de Itacoatiara. “Está chovendo praticamente todo dia e não é uma chuvinha qualquer não, são temporais medonhos com duração de até seis horas seguidas”, explica o comerciário Augusto Souza.

Um dos responsáveis pela coleta de dados da régua do Porto, Raimundo Filho também está pessimista. “Mesmo que o nível da subida da água se estabilize em 5 cm por dia, como ainda temos três meses de cheia isso significa 4,5 m. Quer dizer, se as chuvas não cessarem ou diminuírem de intensidade, nós vamos atingir quase 16 m de cheia, o que será uma tragédia.” Se continuar desse jeito, os 15,03m alcançados pela máxima enchente no município de Itacoatiara no ano passado serão batidos facilmente este ano. Só resta torcer para São Pedro cooperar, porque a natureza tem seus próprios caprichos. // (Simão Pessoa)

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here