‘Greve geral’ para T1 e passageiros são obrigados a caminhar até o trabalho

Passageiros foram obrigados a seguir a pé até seus destinos
Passageiros foram obrigados a seguir a pé até seus destinos

A manifestação intitulada “Greve Geral” parou o Terminal 1, na avenida Constantino Nery, no Centro de Manaus, na manhã desta sexta-feira (30). Dezenas de ônibus ficaram parados por aproximadamente 20 minutos devido a passeata organizada pelas Centrais Sindicais.

Aproximadamente 600 manisfestantes saíram em caminhada pelas ruas da área central da cidade, o que complicou o trânsito e a rotina de pessoas que seguiam para o trabalho. “Os motoristas dos ônibus abriram a porta e pediram para todo mundo descer que neles não iam continuar a viagem”, contou a assessora parlamentar Rose Aguiar, de 31 anos.

otoristas pararam os ônibus por aproximadamente 20 minutos no T1 (Fotos: Márcio Melo)

A estudante de enfermagem Bela Lucia Matos, 45, resolveu caminhar do T1 até sua faculdade, na avenida Joaquim Nabuco. “Eles falaram que a partir das 10h tudo iria parar por conta da greve geral”, disse a estudante.

Policiais militares da 24ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) acompanham a passeata para evitar qualquer tipo de tumulto. Até às 11h nenhuma confusão havia sido registrada.

(Com EM TEMPO)

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here