Governo do Amazonas e Prefeitura de Manaus divulgam o calendário de matrículas 2019

As aulas do ano letivo de 2019 terão início no dia 6 de fevereiro para Estado e município

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino do Amazonas (SEDUC/AM), e a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação de Manaus (Semed/Manaus), estimam disponibilizar mais de 180 mil novas vagas para escolas da rede pública estadual de ensino no ano letivo de 2019.

O anúncio foi feito pelo secretário de Estado de Educação do Amazonas, professor Gedeão Amorim, e pela secretária Municipal de Educação de Manaus, Kátia Schweickardt, durante entrevista coletiva realizada nesta terça-feira (11), na sede da Semed/Manaus, no bairro Parque Dez, Zona Centro-Sul da cidade.

Na ocasião, também foram divulgadas as datas e os procedimentos necessários para as matrículas do ano letivo de 2019.

Somente para as escolas da rede pública estadual, a SEDUC estima ofertar 143.060 novas vagas, sendo que 10.215 são para estudantes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental; 17.109 para a Educação de Jovens e Adultos (EJA); 50.841 das vagas são para estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental; e 64.895 para o Ensino Médio.

Já a Semed/Manaus, vai ofertar para o ano letivo de 2019, 40.169 mil vagas para alunos novatos. Para a Educação Infantil serão ofertadas 27.617 mil novas vagas e para o Ensino Fundamental, 12.552 mil.

Segundo o secretário de Educação do Amazonas, Gedeão Amorim, a nova versão do site de matrículas irá facilitar o atendimento à população.

“Esse ano conseguimos fazer um ‘upgrade’ fantástico no nosso sistema e os meios de rede poderão ser utilizados tranquilamente”, afirmou.

Durante a coletiva, a secretária Municipal de Educação de Manaus, Kátia Schweickardt, reforçou as vantagens do site de matrículas, não sendo necessário formar filas nas escolas em busca de uma vaga.

“Hoje a gente é um ‘case’ no Brasil, eliminando filas. No ano passado já não tivemos e esse ano a gente volta a reforçar para a população que não precisa, aliás, não devem ir, porque você está pleiteando uma vaga para uma determinada escola, se você for ficar numa fila, você corre o risco de perder essa vaga, porque o sistema é interligado. A pessoa vai estar em um lugar sem fila e vai acessar o sistema mais rápido”, explicou Schweickardt.

Rematrículas

De acordo com dados divulgados pela Coordenação de Matrículas da SEDUC, o total de rematrículas – vagas para os estudantes que já fazem parte da rede estadual de ensino – chega a 348.366, sendo que 171.688 vagas são para as escolas da capital e 176.678 para as unidades de ensino do interior do Estado.

Para as escolas “sem continuidade”, que oferecem até um determinado nível de ensino, a SEDUC disponibilizará 18.864 vagas, que serão distribuídas nas unidades de ensino que ofertam o nível de ensino em que o aluno precisa ingressar em 2019. Do total de vagas, 8.320 são para as escolas de Manaus e 10.554 para as unidades do interior.

As vagas para os estudantes que fazem parte da rede pública municipal e que automaticamente migram para a rede estadual somam 20.445.

Rede municipal

Para o ano de 2019, a Semed vai inaugurar sete novas unidades, totalizando 503 unidades na zona Urbana e Rural de Manaus. Dessas novas unidades, cinco serão creches e duas Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis). Com isso, a população de Manaus passará a contar com 21 creches, 115 Cmeis e 367 escolas de Ensino Fundamental.

A previsão é de que a Semed atenda cerca de 250 mil alunos da Educação Infantil ao Ensino Fundamental, incluindo a Educação de Jovens e Adultos.

Atendimento

A coordenadora de matrículas da SEDUC, Irlanda Araújo, explicou que a população poderá realizar as matrículas pelo site www.matriculas.am.gov.br e também de forma presencial, em qualquer uma das 596 escolas públicas estaduais de Manaus e do interior e também nas 482 unidades da rede municipal de ensino em Manaus. De acordo com Irlanda Araújo, filas nas portas das escolas são desnecessárias, já que o atendimento é descentralizado.

“Existe a disponibilidade do site da matrícula, que poderá ser acessado tanto no computador como pelo celular, oferecendo toda a comodidade e segurança para o usuário, em relação ao atendimento e para aquelas pessoas que não têm acesso à internet, o atendimento poderá ser realizado de forma presencial, em qualquer escola estadual tanto na capital quanto no interior e em qualquer escola da rede municipal na capital. Não há necessidade de filas e aglomerações nas portas das escolas. O atendimento é totalmente descentralizado”, afirmou.

Portal de Matrículas

Desenvolvida pela empresa Processamento de Dados Amazonas S.A (PRODAM), a versão atualizada do Portal Matrículas Amazonas pode ser acessada no endereço www.matriculas.am.gov.br. O novo site utiliza a tecnologia PWA que permite a mesma experiência ao usuário, independente do dispositivo em que ele esteja acessando: computador, tablet ou celular. Com a inovação, não será mais necessário baixar um aplicativo para realizar a matrícula pelo smartphone.

Em 2018, os técnicos da PRODAM registraram 20 mil acessos ao Portal da Matrícula nos primeiros cinco minutos após a liberação do sistema. Planejando um aumento dessa demanda, a empresa investiu no desenvolvimento de um novo portal, mais moderno, funcional e objetivo, disponibilizando uma aplicação mais simples e agradável à população que deseja se matricular no próximo ano letivo na rede pública de ensino (estadual e municipal).

Calendário de matrículas

Conforme cronograma disponibilizado pela SEDUC e Semed, os prazos do calendário de matrículas iniciam pelas Escolas de Tempo Integral. A divulgação do processo seletivo está prevista para o dia 12 de dezembro no site da SEDUC. O período de interposição de recursos será entre os dias 13 e 14 de dezembro.

A confirmação de matrícula para os estudantes aprovados no processo seletivo será no período de 3 a 4 de janeiro de 2019. Caso haja vagas remanescentes, uma segunda chamada do processo seletivo será divulgada a partir do dia 17 de janeiro. A confirmação de matrícula da 2ª chamada será nos dias 17 e 18 de dezembro.

Escolas Militares

As inscrições para o processo seletivo das escolas administradas pela SEDUC e gestão da Polícia Militar do Amazonas inicia no dia 17 e seguirão até o dia 21 de dezembro. A divulgação do resultado será divulgado no site da SEDUC a partir do dia 4 de janeiro. O período de interposição de recursos será entre os dias 7 e 8 de janeiro.

A confirmação de matrícula para os estudantes aprovados no processo seletivo será no período de 15 a 16 de janeiro de 2019. Caso haja vagas remanescentes, uma segunda chamada do processo seletivo será divulgada a partir do dia 21 de janeiro. A confirmação de matrícula da 2ª chamada será nos dias 22 e 23 de janeiro.

Rematrículas e transferências

Para os alunos que já são das redes pública estadual e municipal, o período de rematrícula será entre os dias 19 de dezembro e 2 de janeiro.

Já as transferências por reordenamento (escolas sem continuidade) acontecem entre os dias 3 e 4 de janeiro para a Educação Infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio. A confirmação de matrícula do reordenamento para todos os níveis de ensino será nos dias 7 e 8 de janeiro.

As solicitações de transferência para todos os níveis de ensino, por sua vez, podem ser feitas pela internet, no endereço www.matriculas.am.gov.br, no período de 9 a 13 de janeiro e de forma presencial, em qualquer escola da rede pública, entre os dias 9 e 11 de janeiro.

O atendimento aos alunos com deficiência das redes públicas estadual e municipal de Manaus para todos os níveis de ensino acontecerá de forma presencial nos dias 14 e 15 de janeiro, nas escolas municipais ou estaduais, das 8h às 17h e também pela internet.

Alunos novatos

Os candidatos ou seus respectivos responsáveis que desejam ingressar em escolas da rede estadual ou municipal em 2019 podem fazer o cadastro prévio do estudante no site www.matriculas.am.gov.br, a partir desta terça-feira (11). O cadastro agiliza o atendimento, mas não garante a vaga. Para o cadastro, é necessário informar o nome, e-mail e o número do CPF.

Também é recomendável que o responsável faça o registro dos estudantes que serão matriculados para o ano letivo de 2019. Seguindo o calendário de matrículas, o sistema será liberado para todos os procedimentos sempre à meia-noite.

“Caso o aluno não seja da rede pública de ensino, o processo é igual. Primeiro o responsável se cadastra e em seguida faz o cadastro do estudante que está migrando da rede privada”, explicou o diretor presidente da PRODAM, Fábio Naveca.

Depois que o sistema for liberado, o responsável deverá fazer login no site e pesquisar as vagas disponíveis por bairro e por nível de ensino para, então, matricular os estudantes que cadastrou. Após escolher a escola, aparecerá uma tela solicitando a confirmação dos dados dos alunos. Caso esteja tudo correto, aparecerá a notificação “reserva realizada com sucesso”. Para efetivar a matrícula, os responsáveis devem levar os documentos dos estudantes em qualquer escola da rede pública, até três dias após realizar a reserva.

O atendimento específico aos alunos novatos de todos os níveis de ensino acontecerá no período de 16 a 20 de janeiro pela internet. De forma presencial, será entre os dias 16 e 18 de janeiro, em qualquer escola da rede pública. Já para os alunos retardatários, o atendimento será realizado no dia 21 de janeiro de 2019, tanto pela internet quanto de forma presencial.

As aulas do ano letivo de 2019 terão início no dia 6 de fevereiro para as escolas da rede estadual e municipal de educação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here