Omar Aziz entrega mais de R$ 19 milhões em prêmios às escolas que se destacaram em 2012

governador-omar-aziz-escola-destaque-2012

Gov. Omar Aziz na entrega do prêmio

O governador do Amazonas, Omar Aziz, entregou nesta quinta-feira (13) o prêmio “Escola de Valor” a 248 unidades de ensino da rede estadual de educação que alcançaram as metas do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb/MEC) e do Índice de Desenvolvimento da Educação do Estado do Amazonas (Ideam/Seduc), com desempenho de destaque este ano. “É uma forma de valorizar e reconhecer os bons resultados. O comprometimento da comunidade escolar foi decisivo para isso e queremos incentivar outras escolas a aumentarem seus índices para a gente ter uma educação cada vez melhor, com a qualidade que sonhamos”, afirmou.

A cerimônia de entrega do prêmio, no Centro Cultural Palácio Rio Negro, na área Central de Manaus, também contou com a presença da presidente do Fundo de Promoção Social (FPS), primeira-dama Nejmi Aziz, secretários e secretárias de Estado e representantes do Poder Legislativo.

O “Escola de Valor” oferece uma gratificação financeira, que varia de R$ 20 mil a R$ 50 mil, aos colégios de ensino regular que atingiram média de 5,2; escolas convencionais, com pontuação de 5,4; e os Centros de Educação de Tempo Integral (Ceti’s) que alcançaram média de 5,7 nos dois indicadores que mensuram a qualidade da educação. Este ano, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) está repassando um total de R$ 12,3 milhões para 112 escolas de Manaus e 136 do interior. O recurso é administrado pelas Associações de Pais, Mestres e Comunitários (APMCs) para investimentos em infraestrutura, aquisição de materiais pedagógicos e qualificação.

Outra parte da premiação é o pagamento do 14º, 15º e 16º salários aos servidores das escolas que atingiram as metas. Em 2012, 3.484 servidores de 74 escolas estaduais vão receber o 14º e o 15º salários, montante que chegará a R$ 7,4 milhões. “São ações para que todos se envolvam mais e possamos avançar na qualidade da educação. Nós criamos o 16º salário para as escolas que alcançassem a média de 8,1 da Escola Dom Bosco de Eirunepé, mas até agora nenhuma conseguiu”, disse.

A primeira-dama do Estado, Nejmi Aziz, também destacou a política de estímulo à melhoria da educação. “Esses investimentos funcionam como incentivo para que, a cada dia, as pessoas se motivem cada vez mais para melhorar a educação no nosso Estado”, frisou.

Na mesma oportunidade, o governador Omar Aziz premiou as escolas vencedoras das edições de 2011 e 2012 do Prêmio Estadual de Gestão Escolar, com destaque à Escola Estadual de Tempo Integral Roxana Pereira Bonessi (localizada na Colônia Oliveira Machado), cuja gestora, professora Francisca Cunha, como prêmio, participou recentemente de um intercâmbio internacional, conhecendo a realidade de escolas norte-americanas a convite da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil.

Para o governador, a melhoria da qualidade do ensino é um processo que envolve toda a comunidade escolar. Ao Estado, cabe não só valorizar os profissionais com bons salários, mas também oferecer oportunidades de qualificação e acesso a novas ferramentas didáticas que ajudem a melhorar as aulas. “Você tem que valorizar os professores, os funcionários públicos, e nosso Governo tem uma política salarial forte. Nos últimos três anos coube a mim, como governador, fazer os reajustes que ultrapassam em 20% em todas as áreas. Mas a valorização não é só salário, mas também na qualificação dos nossos profissionais para que a gente possa conseguir cada vez mais êxito nos serviços prestados à população”, enfatizou, Omar Aziz.

Novos Ceti’s – Segundo Omar Aziz, em 2013, a pasta da educação vai ser reforçada com investimentos na construção e adaptação de Escolas de Tempo Integral na capital e no interior. Serão 22 novos Centros de Educação de Tempo Integral para os municípios de Autazes, Boca do Acre, Borba, Benjamin Constant, Carauari, Coari, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Iranduba, Lábrea, Manacapuru, Manicoré, Maués, Presidente Figueiredo, São Gabriel da Cachoeira, São Paulo de Olivença, Tabatinga, Tefé e Urucará.

“Na educação, você não faz mudanças do dia para a noite. São mudanças em longo prazo e nós estamos investindo bastante, construindo escolas de tempo integral, modernizando o sistema e dando cada vez mais acesso aos estudantes e professores a meios tecnológicos para que o ensino seja melhor”, pontuou o governador, referindo-se ao programa Professor na Era Digital que distribuiu mais de 42 mil notebooks, com software educativo, a todos os educadores das redes estadual e municipal de ensino.

Ano que vem será a vez dos estudantes finalistas do ensino médio serem contemplados com tablets para uso pessoal. De acordo com o governador, a expectativa com esse novo programa voltado aos alunos é dar maior dinamismo às aulas e ajudá-los a se preparar melhor para o vestibular.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here