Educação

Estudantes aderem ao Dia D e focam nas inscrições para o Enem

(Foto: SEDUC-AM/Divulgação)

Tirar um tempo para fazer a inscrição no Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) é importante para garantir que tudo seja preenchido corretamente e não haja problemas posteriores. Pensando nisso, a estudante Kaylanne dos Reis, finalista da Escola Estadual de Tempo Integral (EETI) Gilberto Mestrinho, aproveitou o “Dia D para o Enem” para se inscrever no laboratório de Informática da escola e, ainda, receber orientação nos momentos em que teve dúvidas.

A jovem gostou da iniciativa da Secretaria de Estado de Educação e Desporto para mobilizar os alunos e acredita que só trouxe benefícios. “Principalmente para quem não tem internet boa em casa ou mora em lugares em que o acesso é difícil, com certeza vai ajudar muito. Por exemplo, eu, que na minha casa a internet é um pouco prejudicada e aqui a gente ainda recebe o auxílio dos professores, do pessoal da sala de Informática e, com certeza, isso ajuda muito”, observa a estudante, que quer ser psicóloga.

O “Dia D para o Enem” é uma mobilização para intensificar as inscrições do exame, cujas inscrições terminam na quarta-feira (14/07). Neste ano, mais de 60 mil estudantes da 3ª série do Ensino Médio devem participar da prova e tentar uma vaga nas universidades e institutos federais. A mobilização é em todo o Amazonas. A escola está aberta para a comunidade egressa ou que precise fazer a inscrição.

Aulão

Além do “Dia D para o Enem”, as escolas estão promovendo ações para auxiliar os alunos na preparação. Na EETI Gilberto Mestrinho, por exemplo, nesta segunda-feira, foi iniciado o aulão preparatório, que é realizado todos os anos, conforme a gestora Benedita Braga.

“Essa preocupação acontece todos os anos. A gente faz para dar um sacode, levantar os conteúdos do 6º ao 9º ano e da 1ª a 3ª série, a gente revê esses conteúdos nessa preparação. Esse ano nós voltamos, ainda, pensando em recuperar o que pode ter ficado perdido durante a pandemia; e a cada 15 dias teremos o aulão. Temos 63 alunos aqui e, no dia do aulão, nós convidamos os alunos dos dois blocos para vir e ter as aulas, porque é um benefício para eles mesmos, para o bem deles, e eles vêm”, diz.

Documentos

Para concluir a inscrição, os candidatos precisam ter em mãos os documentos de identidade, CPF, informações do endereço completo (nome da rua, bairro, número e CEP). Além disso, é necessário também telefones e e-mails válidos.

Os alunos que precisarem de atendimento especial devem realizar a solicitação no momento da inscrição e informar as condições que motivam o pedido.

Os participantes que se identificam e querem ser reconhecidos socialmente pela sua identidade de gênero (participante transexual, travesti ou transgênero) podem solicitar o tratamento pelo nome social, no período de 19 a 23 de julho, pela Página do Participante.

Deixe um comentário