Estoque de sangue do Hemoam é crítico e doadores são convocados

As doações podem ser realizadas de segunda a sábado, das 7h às 18h

Com o baixo comparecimento de doadores nos primeiros dias do ano, o estoque de sangue da Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam) atinge nível crítico, com 50% da quantidade ideal. Para estabilizar o abastecimento, o hemocentro está convocando doadores voluntários de todos os tipos sanguíneos para comparecerem com urgência à sede da instituição, na avenida Constantino Nery, 4.397, bairro Chapada. As doações podem ser realizadas de segunda-feira a sábado, das 7h às 18h.

Somando as doações dos primeiros dias de funcionamento do ano, no sábado (02/01) e na segunda-feira (04/01), compareceram pouco mais de 100 pessoas/dia, enquanto o mínimo deveria ser de 200 pessoas/dia. Por outro lado, a demanda por bolsas de sangue nas unidades de saúde públicas e privadas continua normal, com uma média de 150 bolsas distribuídas diariamente.

A queda acentuada nas doações preocupa a instituição, que precisa manter o estoque na média de segurança de 800 bolsas, visando atender todas as 27 unidades da capital, além de 43 cidades do interior.

Como doar sangue

Para ser doador, é preciso ter entre 16 e 69 anos, pesar mais de 50 quilos e estar com boa saúde. Menores de 18 anos só podem doar com a presença dos pais ou responsável legal. É preciso estar bem alimentado e apresentar documento oficial com foto.

Quem contraiu Covid-19 ou outras síndromes respiratórias agudas, a doação pode ser realizada após 30 dias do desaparecimento total dos sintomas.

As doações estão sendo realizadas exclusivamente na sede da Fundação Hemoam. A unidade de coleta da Maternidade Ana Braga, na zona leste de Manaus, está temporariamente fechada para segurança dos doadores, em virtude da pandemia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here