Doação de terreno da prefeitura para construção da sede MPF é presente para Manaus, afirma Wilker

TERRENO_MPF

“O procurador chefe do Ministério Público Federal no Amazonas,  Edmilson da Costa Barreiros Júnior, assume, a partir deste momento, um compromisso e o desafio de buscar recursos para dar inicio às obras”, afirmou o presidente da Câmara Municipal, vereador Wilker Barreto (PHS), ao participar na tarde desta quarta-feira (23) do ato de concessão de um terreno, na avenida André Araújo esquina com a avenida Constelação de Touro, no bairro do Aleixo, assinado pelo prefeito Arthur Neto (PSDB).

Aprovada na última segunda-feira pelo legislativo municipal, a lei sancionada pelo prefeito,  na presença de vereadores e secretários municipais,  passa à Procuradoria da República no Amazonas uma área de 3.573,50 metros quadrados, pertencente ao município, onde a Procuradoria da República construirá a sede que vai abrigar as suas atividades institucionais. Todo o processo de planejamento e licitação, conforme explicou o procurador Edmilson Barreiros, será desencadeado ao longo do próximo ano para que as obras sejam iniciadas em 2017.

Dizendo-se particularmente feliz por ter acompanhado o processo de doação deste o seu nascedouro, Wilker aplaudiu a iniciativa da administração municipal de fazer a destinação do terreno. “Essa atitude do prefeito Arthur Neto evita que o Ministério Público Federal precisasse dispor de seus parcos recursos para adquirir um terreno, o que exigiria muito mais dinheiro para a implementação da obra, que será um grande presente à cidade de Manaus”, salientou o vereador, que ainda destacou a contribuição valiosa da ex-procuradora Luciana Dorneles nas conversações iniciais para a concretização da doação assinada pelo prefeito.

 

Aparelhamento

 

Para o procurador Edmilson Barreiros Filho “a Prefeitura e a Câmara Municipal de Manaus deram um presente à Procuradoria da República com a concessão do terreno para construção da sua sede definitiva”. Essa doação, segundo ele, é um investimento significativo para que o Ministério Público Federal preste à população, num futuro próximo, serviços de melhor qualidade.

De posse do terreno – observou Barreiros – vamos trabalhar com muita determinação no planejamento, na captação de recursos financeiros e fazer a licitação da obra de construção, que deve começar no inicio de 2017 e estar concluída no prazo de dois anos.

Após fazer a assinatura da lei, o prefeito Arthur Neto ressaltou a parceria dos vereadores na apreciação e aprovação do projeto de concessão da área, que ele mandou à Câmara Municipal. “É necessário o aparelhamento físico de um órgão da importância do Ministério Público Federal, a fim de que ele tenha condições estruturais e possa desenvolver o seu trabalho com cada vez mais qualidade e eficiência”, disse o prefeito.

Em seu rápido pronunciamento, Arthur observou que sempre conduziu suas ações com espírito público, dai sentir-se gratificado por ter colaborado com uma instituição como a Procuradoria da República. Ele desejou boas festas à população de Manaus, mas lamentou que os brasileiros estejam sofrendo tanto com a crise econômica, que impõe a todos uma renda decadente. ”Luta de todos nós é a resposta para superar o momento tão difícil por que passa o país”, completou.

Ao vereadores Marcelo Serafim (PSB), Joelson Silva (PHS),  Joãozinho Miranda (PTN), WalfranTorres (PTC) e Jairo da Vical (PROS) também estiveram presentes na solenidade que foi realizada na sala de reuniões do gabinete do prefeito.

 

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here