David Almeida e rodoviários selam acordo para evitar greve da categoria

Foto: Dhyeizo Lemos

O prefeito de Manaus, David Almeida, intermediou uma negociação entre representantes das empresas responsáveis pelo transporte público de Manaus e o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários, garantindo uma solução para o pagamento do salário dos trabalhadores e encerrando a possibilidade de greve da categoria em meio à pandemia de Covid-19.

“Foi tudo resolvido, em aproximadamente 15 minutos, na base do diálogo, sem a presença do Ministério Público do Trabalho, ao lado do vice-prefeito Marcos Rotta. Não vamos aceitar atrasos no pagamento dos trabalhadores”, afirmou Almeida, após a reunião.

Após receberam apenas 20% do adiantamento nesta quarta-feira, 20/1, ficou acordado entre os sindicatos, que o restante do pagamento será realizado no próximo dia 3.

Por meio de nota, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram) informou o pagamento de apenas de 20% do adiantamento salarial, conhecido como “vale”. O valor é abaixo do acordado com a categoria. Normalmente, os profissionais do transporte público recebem 40% dos vencimentos no dia 20 do mês.

O prefeito David Almeida e o vice-prefeito e secretário municipal de infraestrutura (Seminf), Marcos Rotta, cobraram das empresas o cumprimento do compromisso firmado com os trabalhadores do setor.

De acordo com o presidente interino do Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários, Josenildo Mossoró, ficou acordado que as empresas terão que arcar com 100% dos vencimentos dos rodoviários, independentemente da diminuição do tempo de serviço dos trabalhadores, provocado pelo “toque de recolher” do governo do Amazonas.

“O mais importante foi que o prefeito David Almeida evitou que as empresas pagassem a categoria, dependendo do horário de trabalho. São 8,5 mil trabalhadores que tiveram os direitos garantidos. Agora, vão receber no terceiro dia útil do mês, dois dias antes do que normalmente acontece. Conquistamos uma vitória para categoria”, disse Mossoró.

Valorização

Presente na reunião, o vereador Jaildo Oliveira (PCdoB) afirmou que a participação do prefeito David Almeida foi importante para garantir a valorização dos trabalhadores do transporte público, principalmente durante a pandemia da Covid-19.

“Todos os trabalhadores estão desde o início da pandemia, como linha de frente, levando e trazendo a população de Manaus para os seus trabalhos. Então foi muito importante a participação do prefeito, que interveio, dizendo que não vai aceitar mais atraso, e condicionou a questão do pagamento de subsídio para valorização dos profissionais, para que a população não pague por isso”, ressaltou.

*Com informações da assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here