Coletiva com Carlos Almeida termina em agressão contra jornalista

A policial não teve o nome revelado pela Casa Militar. ─ Imagem: Reprodução

Na tarde desta quarta-feira (28), terminou em confusão uma entrevista coletiva agendada pelo vice-governador Carlos Almeida para falar sobre as acusações da Operação Sangria 2 em que está envolvido.

Após Carlos Almeida ler um texto se defendendo das acusações, a jornalista Rosiene Carvalho perguntou: “Dada sua influência dentro da Susam, como o senhor explica, diante de tantas evidências, as informações da Polícia Federal?”

O vice-governador deixou a sala da coletiva sem responder a pergunta, sendo cercado pelos seus assessores e uma das seguranças não identificada agridiu com palavras e também fisicamente a jornalista, conforme mostra o vídeo abaixo:

Em nota, a Casa Militar do Estado informou que a policial foi afastada das funções, mas não teve o nome revelado até o fechamento desta edição.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here