Charlie Hebdo esgota à medida que chega às bancas francesas

capacharliehebdoA edição especial do Charlie Hebdo, depois do atentado contra o jornal na quarta-feira passada (7), esgotou esta manhã na França. à medida que foi chegando às bancas. Filas se formaram para a compra do jornal. Na maior parte das bancas do centro de Paris, os exemplares do Charlie Hebdo esgotaram antes das 8h (5h em Brasília) e dois funcionários disseram que “em poucos minutos” venderam todos os jornais.

Em vários pontos de venda na capital francesa, dezenas de pessoas formaram filas para comprar o semanário e acabavam por dispersar à medida que era anunciado que os exemplares tinham esgotado. Responsáveis pelas bancas explicaram que não quiseram reservar o jornal para os clientes porque esperam receber mais exemplares nas próximas horas e dias.

O semanário Charlie Hebdo informou inicialmente que o número especial depois do atentado terrorista teria tiragem de 1 milhão de exemplares, mas acabou, mais tarde, por elevar para 3 milhões o total. O aumento da tiragem deve-se ao fato de a distribuidora, a MLP (Messageries Lyonnaises de Presse), ter recebido grandes encomendas, não só da França mas de outros países, depois do atentado à redação do jornal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here