Censo sobre população em situação de rua vai alcançar Manaus e interior

Com objetivo de ampliar o alcance  das políticas públicas de garantia dos direitos humanos e de acesso à cidadania, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado da Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc), realizou na noite de sexta-feira, 27/10, das 21h a 00h, um censo junto a população em situação de rua e profissionais do sexo que vivem e/ou atuam em parte do Centro de Manaus. 

A equipe formada por 30 profissionais, entre assistentes sociais, psicólogos e técnicos, abordou 69 pessoas nas ruas Guilherme Moreira, Marcílio Dias, Dr. Moreira, Quintino Bocaiúva, Eduardo Ribeiro, Sete de Setembro, Getúlio Vargas  e Terminal da Igreja Matriz.
 
Além da coleta de dados que vai atualizar as informações referentes aos públicos-alvo, foi realizada distribuição de material informativo sobre combate ao tráfico de pessoas,  prevenção à DST/Aids e cinco mil preservativos sexuais.
 
“Com essas informações que foram coletadas durante as entrevistas, vamos poder aplicar eficazmente ações que vão atingir o público-alvo, pois cada caso será analisado. Nosso intuito é realizar, também, ações coletivas para atingir um maior número e estreitar relações com essas pessoas, pois algumas são resistentes quanto a abordagem e, claro, sensibilizar a população em geral quanto a essa questão”, afirma o titular da Sejusc, Clizares Santana. 
 
O atendimento individual já inicia na próxima segunda-feira, 30 de outubro, no Centro Estadual de Referência em Direitos Humanos, localizado na rua Major Gabriel, bairro Praça 14, zona sul. “No local, serão identificadas as demandas de cada assistido  e o cumprimento das mesmas. Já vimos, inicialmente, que muitos não possuem documentação básica, outros precisam de atendimento médico, alguns querem retornar a sua cidade de origem etc. Também vamos identificar os familiares dessas pessoas para resgatar o vínculo familiar”, explica Clizares.
 
Os próximos censos vão acontecer no dia 7 (terça-feira) de novembro, nos bairros Gloria, São Raimundo e Aparecida, na zona oeste, e na Manaus Moderna e rua Ferreira Pena, na zona sul. Os municípios que fazem parte da Região Metropolitana de Manaus também vão entrar na agenda ainda neste ano.
COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here