Belão desagrava Mesa Diretora e repudia “desrespeito” a Aleam com fechamento de restaurante

Dep. Belarmino Lins
Dep. Belarmino Lins

De acordo com o deputado Belarmino Lins (Pros), o secretário-executivo da Sefaz, Hisashi Toyoda, foi “desrespeitoso” com a Assembleia Legislativa ao “mandar lacrar” o Restaurante Feijão, novo fornecedor de refeições aos deputados e servidores da Casa.

“Manifesto de público o meu repúdio a esse japonês que afrontou o nosso Parlamento”, desabafou Belão, da tribuna da Aleam, explicando que a empresa, neste momento, opera segundo uma situação emergencial por conta da brusca saída da empresa anterior que fornecia alimentos no 7º andar do prédio do Legislativo Estadual.

Em aparte, o presidente do Poder, deputado David Almeida (PSD), prestou esclarecimentos sobre o episódio, destacando que a repentina saída, no final de março, das empresárias que respondiam pelo Restaurante Mokental, criou um sério problema para a nova Mesa Diretora, obrigada a encontrar uma saída para o impasse, sob pena de descontinuidade do serviço diário de fornecimento de refeições aos parlamentares e servidores.

“Fomos pegos de surpresa com a saída da empresa anterior e não podíamos paralisar o serviço do nosso restaurante”, observou David, dizendo que mesmo assim o  estabelecimento permaneceu fechado durante uma semana até a celebração de um contrato emergencial de três meses com  a empresa Feijão Serviços de Alimentação Ltda. “Na quarta-feira passada, antes da Quinta-feira Santa, o caixa do restaurante já estava emitindo Nota Fiscal normalmente”, assegurou o presidente.

No entanto, para o segundo Vice-Presidente da Mesa Diretora da Aleam, Belarmino Lins, o secretário-executivo da Sefaz foi descortês com a Casa. “Na verdade, esse japonês deveria ter sido flexível e, diante do nosso problema emergencial, ele podia ter dado um prazo para que a Assembleia sanasse as questões legais pertinentes ao necessário processo licitatório”, desabafou. O processo será realizado dentro de 90 dias, conforme informações da Diretoria-Geral da Aleam. O Restaurante Feijão foi reaberto e está funcionando com normalidade no 7º andar do Complexo Administrativo do Poder.

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here