´A Mais Bela Gordinha do Brasil´ será escolhida nesta terça-feira, no Rio

O Teatro de Câmara da Cidade das Artes vai se transformar em passarela para as 30 candidatas do concurso A Mais Bela Gordinha do Brasil mostrarem beleza e talento, na terça-feira. O evento, em sua sétima edição, aporta na Barra , saindo da Zona Norte pela primeira vez. As modelos plus size, com manequins de tamanho 46 a 60, vão disputar a coroa nas categorias tradicional, para 18 a 35 anos e sênior (de 36 a 55 anos).

A partir das 19h, as candidatas passam por diversas etapas a fim de conquistarem os jurados, entre eles o produtor Eduardo Araujo , referência no segmento. O concurso foi criado pela modelo plus size e produtora de eventos Cláudia Ferreira em 2012, com o nome Garota Plus Size , que manteve somente no primeiro ano, antes de passar a ser realizado no Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, a Feira de São Cristóvão , sua sede até o ano passado. A proposta é promover a autoestima e a confiança das mulheres.

— Quando iniciei a minha carreira, escutei na minha família: “Não sabia que ser gorda era bonito”. Coisas assim me fizeram crescer como pessoa. Queria evitar que outras passassem pela mesma coisa ou, pelo menos, que aprendessem a enfrentar tudo de cabeça erguida — conta Cláudia. — A gente tem que fazer com que a sociedade respeite as pessoas. A autoestima é a dignidade da pessoa.

Levar o concurso para a Zona Oeste era um objetivo.

— Eu tinha muita vontade de mudar a cara do concurso, e na Cidade das Artes acontecem os grandes espetáculos do Rio. Então, acho que agora o concurso faz parte deste grupo — diz Cláudia.

Das 30 inscritas, de 11 estados, somente quatro têm experiência como modelo ou em concursos. As demais estreiam agora. Dez delas representam comunidades do Rio e não precisaram pagar pela inscrição, numa proposta de inclusão. Para todas fazerem bonito, amanhã será um dia intenso.

Na véspera da disputa, as participantes se ambientarão na passarela — por onde vão passar usando maiô e vestido de gala — e aprenderão a coreografia do número de dança. Na terça, para relaxarem e se arrumarem, farão unha, maquiagem, cabelo e alguns tratamentos de spa, graças a marcas parceiras e apoiadoras do concurso.

— Acredito que esse vá ser nosso melhor concurso. São mais de 30 parceiros. Nunca tive tantos, nem nos estaduais. Passamos por dificuldades sempre, mas esta, embora seja a edição com menos dinheiro, é a que vai ficar melhor — aposta Cláudia.

A Mais Bela Gordinha do Brasil começará às 18h, com atividades como sorteios e show da cantora gospel Kécia. Às 19h terá início o concurso. Na ocasião, Cláudia receberá a medalha de reconhecimento Chiquinha Gonzaga, oferecida pela Câmara dos Vereadores a mulheres que se destacam na promoção de causas democráticas, humanitárias, artísticas e culturais. Ao longo do evento, haverá ainda show do sertanejo Kleber Rocha.

FONTE: EXTRA

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here