Esportes

2ª Circuito de Aspirantes de Menores – Troféu Isabelle Nobre reúne mais de 130 atletas no Sesi

FOTO: Divulgação

A Federação Amazonense de Desportos Aquáticos (Fada), realizou na manhã do último sábado (09/10), a 2ª edição do Circuito de Aspirantes de Menores – Troféu Isabelle Nobre. A competição, que aconteceu no parque aquático do Sesi Clube do Trabalhador, localizado na Avenida Cosme Ferreira, Zona Leste da cidade, reuniu mais de 130 de atletas de sete clubes na disputa.

O Rio Negro Clube foi o grande campeão do 2º Circuito de Aspirantes Menor, onde teve a maior pontuação, 789, seguido dos clubes Sesi, com 456 pontos, e em terceiro lugar ficou a Aquática Manaus que obteve 411. Segundo a presidente da federação, Claudia Nobre, o principal objetivo da competição é motivar as crianças e dar início a vida competitiva nas piscinas.

“Essas crianças são o futuro da nossa modalidade, portanto, temos que motivá-las a competir. As que se graduarem nesse circuito, já passarão a disputar o circuito de graduados no próximo ano. Então, é importante a participação delas agora, mas é uma competição lúdica, onde preparamos um ambiente legal, com o personagem ‘baby shark’ para recebê-las e deixá-las à vontade com a participação da torcida e dos pais. Tudo isso é essencial para essa formação desses futuros campeões”, explicou Claudia.

Homenagem

FOTO: Divulgação

Todas as competições homenageiam personalidades importantes da natação amazonense, e desta vez, o troféu da competição levou o nome de Isabelle Nobre, nadadora multicampeã que tem no currículo títulos como o de campeã brasileira nos Jogos Escolares Brasileiros (JEBs), campeã Sul Americana, medalhista nos Jogos Universitários Brasileiros (JUBs) e a primeira Amazonense da história da natação a completar a prova dos 100 metros livre abaixo de um minuto. Isabelle estava presente na competição, recebeu o carinho do público e falou da emoção de receber essa homenagem.

“Eu amei a homenagem, foi linda. Este é o futuro da natação, tudo muito lindo e emocionante. Minha mãe e eu sempre lutamos para que fôssemos reconhecidas, pois trabalhamos muito para chegar onde chegamos. A competição foi linda, bem acirrada, as crianças são maravilhosas e estão de parabéns”, finalizou.

Deixe um comentário